14.10.14

[Resenha] Vampiratas - Demônios do Oceano :: Justin Somper

Demônios do Oceano - Vampiratas #1
Autor: Justin Somper
Editora: Galera Record
Páginas: 304
Skoob  | Goodreads | Compare e Compre
2505, litoral oeste da Austrália, em um lugar conhecido como Baá Quarto Crescente, é dali que os irmãos Connor e Grace parte, após a morte do pai, faroleiro da cidade onde vivem. Negando-se a serem adotados ou irem para um orfanato, decidem fugir pelo mar, no pequeno barco de seu pai. Contudo a sorte dos irmãos não melhora, pois quando conseguem se afastar da costa são pegos de surpresa por uma tempestade. A pequena embarcação não suporta e é partida em dois, jogando Grace e Connor nas águas revoltas. Os dois logo são resgatados, o garoto por piratas e Grace pelos lendários Vampiratas.
   
A capa chama atenção, isso é uma fato, principalmente para fãs de Piratas do Caribe, Barba Negra e até mesmo Capitão Gancho, mas no meu caso, apesar de gostar de todos os citados anteriormente, o que me levou a comprar este livro foi o nome Vampiratas. Ele evocou uma curiosidade sinistra dentro de mim; me peguei pensando sem parar em como seria ver vampiros piratas, se tivesse sido bem feito seria mágico! E foi.

Grace e Connor Tormenta são dois jovem que vivem com o pai na torre do farol na ilha Quarto Crescente, no ano de 2055. Quando numa tempestade o pai acaba falecendo e os gêmeos ficam a cargo do governo eles tomam uma decisão. Não vão ficar ali e serem separados. Não vão viver vidas que claramente não foram feitas para eles. Eles vão embora, pegarão um barco e mergulharão no oceano.



Tudo parece muito bom e por um tempo dá certo mas os dois encontram uma horrível tempestade que quase os mata afogados, quase, pois no fim ambos são resgatados por marinheiros, apesar de que não da mesma tripulação. Connor acabou sendo salvo por Cheng Li, imediata do famoso Moluco Write (ou algo assim) e Grace por Lorcan um jovem tripulante Vampiratas, ou nem tão jovem assim.



Separados por muito mais que apenas a distância os dois gêmeos tem que aprender a sobreviver e isso inclui entrar para a tripulação, sobreviver aos perigos do mar e se adaptar a rotina imposta pelo capitão do navio, isso tudo sem falar do fato de enfrentar e se enturmar com os marinheiros. Além claro de se reencontrarem novamente.


  
Algo que gosto muito neste livro é a maneira como os acontecimentos decorrem, em um capítulo temos Grace narrando e no outro Connor, é fascinante ver como as coisas mudam de um navio para o outro, como a rotina dos marujos e preocupações dos capitães são diferenciadas, e claro como os gêmeos se adaptam e quais seus verdadeiros talentos.

Essa não é só mais uma estória de piratas ou de vampiros; essa é uma estória fatídica de Vampiratas e há uma grande diferença, recheado de mistérios, aventuras, lutas de espadas, saques, banquetes de sangue e conversas a luz da noite, esse primeiro livro vai te deixar com vontade de mais e mais.



Para finalizar quero dizer que me surpreendi ao descobrir que é uma distopia, que é explicada ao longo da leitura, e que o escritor foi muito inteligente em ligar pontos do passado ao futuro, e de como ele fez a leitura ser fluida e explicativa sem ser chata, nem todos sabem os termos utilizados em auto mar, mas Justin Somper nos ensinou por meio do ensinamento dos personagens, gosto disso, aprender com a leitura. Assim super recomendo para jovens que gostam de aventuras de um modo geral. Gosta de Adventure Time? Desventuras em série? A lenda dos guardiões? Pense em ler esse livro também então. Não conhece nenhum desses mas adora aqueles vampiros a moda antiga e curte demais piratas? Recomendo. Gosta de One Piece? Bleach? Olha que eu vejo algumas semelhanças. E tudo isso sem perder o romance! Demais não?



0 comentários:

Postar um comentário

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

O StarBooks é onde trocamos figurinhas sobre livros, lançamentos literários e suas adaptações, entre outras coisas; sempre com o objetivo de incentivar a leitura independente de gênero. (Mais?)

 
StarBooks © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo