controles do slide

28.7.15

[Resenha] Naomi & Ely e a lista do não beijo :: David Levithan e Rachel Cohn

Naomi & Ely e a lista do não beijo
Autora: David Levithan e Rachel Cohn
Editora: Galera Record
Páginas: 256
Skoob  | Goodreads | Compare e Compre
A quintessência menina-gosta-de-menino-que-gosta-de-meninos. Uma análise bem-humorada sobre relacionamentos. Naomi e Ely são amigos inseparáveis desde pequenos. Naomi ama Ely e está apaixonada por ele. Já o garoto, ama a amiga, mas prefere estar apaixonado, bem, por garotos. Para preservar a amizade, criam a lista do não beijo — a relação de caras que nenhum dos dois pode beijar em hipótese alguma. A lista do não beijo protege a amizade e assegura que nada vá abalar as estruturas da fundação Naomi & Ely. Até que... Ely beija o namorado de Naomi. E quando há amor, amizade e traição envolvidos, a reconciliação pode ser dolorosa e, claro, muito dramática.
Naomi vive sua vida a base de mentiras, ele mente sobre estar tudo bem, ela mente sobre sua mãe estar bem, ela mente sobre não sentir falta do pai, ela mente sobre os passeios com a cachorra que ela deveria tomar conta, ela mente sobre estar gostando da faculdade, e ela mente sobre a única certeza de sua vida: que seu amor por Ely não passa daquele tipo de amor que você sente pelo seu melhor amigo, pois se ela falar a verdade, se ela falar que o ama de todas as maneiras possíveis e mais, ela teme que Naomi&Ely deixe de existir como existi e isso ela não suportaria, não depois de tudo pelo que ela passou.

Naomi sempre esteve ao lado de Ely, para tudo. Eles treinam os primeiros beijos, eles descobriram juntos a única parte em si que não era igual ao resto deles, eles desenvolveram os mesmo gostos musicais, eles aprenderam até mesmo a língua de sinais para poderem se comunicar sem interrupções, eles conhecem mais um do outro do que a si mesmo. Tanto que sempre que as pessoas veem um esperam que o outro chegue logo. Naomi faz parte de Ely e Ely faz parte de Naomi isso é um fato.
 — Não achou que seria fácil, né? — pergunta. — Não achou que ser fabuloso é fantástico e perfeito deixaria as coisas fáceis para o seu lado, achou? Nunca é fácil para ninguém. Ainda não sacou isso?
É o fato de Ely anunciar ser gay e até mesmo a criação da lista do Não Beijo - que contém todos os rapazes que eles estão terminantemente proibidos de flertar e beijar para não causar a discórdia entre ambos - não mudou o fato de que Naomi espera por Ely, ela acredita que tudo isso é uma fase e que um dia eles terminarão juntos, farão parte da mesma família, e ela pode esperar.
É uma grande mentira dizer que só existe uma pessoa com quem se vai ficar pelo resto da vida.
Se tiver sorte — e se esforçar bastante —, sempre haverá mais de uma.
Porém quando Ely anuncia que beijou seu namorado, as certezas de Naomi começam a ruir, pois Bruce voltou para pedir desculpas, mas não para ela... Ele voltou por Ely, e este fez questão de esconder tudo de Naomi, ele a estava trocando, pelo seu namorado e isso é demais. Se é assim... Bom, ele vai provar uma dose do próprio veneno. Naomi não vai ficar parada.


A narrativa é feita em primeira pessoa pelo ponto de vista de vários personagens, então temos uma visão bem diversificada do que está acontecendo com todos e sobre os atos de todos, impossibilitando que sejamos unilaterais e tomemos as dores de Naomi.
Existem muitas maneiras de se obrigar a tomar uma decisão. Fazemos isso o tempo todo, tomar decições. Se realmente pensássemos em cada decisão que tomamos, ficaríamos paralisados.
Posso dizer que essa foi uma das melhores leituras desse ano, e que já entrou para os meus favoritos. Foi incrível ver como cada personagem muda em seu modo de ver o mundo, como isso se mostra na narrativa, e como isso interfere em seu julgamento. Foi diferente de tudo o que eu já li é maravilhoso de uma forma que eu nunca tinha lido antes também.

A realidade Naomi ama Ely mas Ely gosta de garotos é bem triste, é difícil você amar uma pessoa que ama outra, mas mais difícil ainda é você ser colocada de lado pelo sexo oposto, são tantos por quês que surgem em sua cabeça e podemos presenciar o momento exato em que Naomi se dá conta da situação, foi o tipo de trama que apertou meu peito e me arrancou sorrisos complacentes.

Esse é o tipo de livro amplo que nos apresenta uma realidade complexa de dois jovens adultos descobrindo seus verdadeiros sentimentos e vendo aqueles ao seu redor o fazerem também. Mais uma vez como é característico do David ele nos mostra que amor é amor não importa as circunstâncias e que ele fez uma ótima parceria com Rachel Cohn

O livro é leve sem ser superficial, substancial sem ser denso e cheio de dilemas sem ser clichê, eu particularmente aguardo ansiosa os próximos livros dessa dupla incrível e passo a partir de hoje a indicar a todos que querem ler um romance original, bem humorado e tocante.
It's like a jungle sometimes, it make me wonder / How I keep from goin' under.
Nova York... isso aí, é uma selva. Serei o Tarzan se você quiser ser a Jane. Caramba, serei até a Jane, se você quiser ser o Tarzan. Tenho uma cabeça aberta, garota.

comentários pelo facebook:

45 comentários

  1. Nossa, tô louca para ler esse livro. Tão louca, tão louca, que ainda não consegui me concetrar em pegar ele hahaha. Acho a capa linda e não paro de ficar alisando ele aqui. Se a história for tão perfeita quanto a capa, tenho certeza que vai entrar para os meus favoritos <3

    Beijos,
    Ana.

    http://nasuaestanteblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey Ana.
      A capa é mesmo linda e eu fiquei uns minutinhos a contemplando kkkk, mas menina, foi abrir e ler o primeiro parágrafo que pronto, não parei mais! Crie coragem logo e te desejo uma boa leitura!
      Bjokas

      Excluir
  2. Ameeei a capa do livro, é lindíssima! A premissa é bem interessante e o fato da menina gostar do melhor amigo que é gay e beijou o namorado dela... Sinto cheiro de treta no ar hahha! Com certeza, vou anotar sua dica aqui (:

    Adorei o blog, o layout tá lindo e as resenhas são ótimas, já estou seguindo! Se puder tá uma passadinha lá no meu ficaria muito agradecida www.madrugadadeleitura.blogspot.com.br

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Fran.
      Siiiim, tem treta menina, daquelas que os amigos até ficam perdidos de para onde ir!
      E obrigadaaa, pode deixar que depois estarei passando no seu cantinho viu?
      Bjinhos

      Excluir
  3. Olá!
    Já tem um tempo que quero ler esse livro por causa do autor, mas estava com um pé atrás por suspeitar que a história me faria chorar 20 baldes. Comprovei a ideia de que vou sofrer lendo, mas agora acho que a curiosidade vai falar mais alto, haha. Por que os personagens do David tem que ser tão dolorosamente reais?
    Ah, estou seguindo o blog ♥
    Abraços purpurinados~
    Elisa,
    The Fat Unicorn

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Elisa.
      Sabe, me doí sempre ler sobre os personagens dele por serem tão reais e palpáveis mas me encanta também, é uma dor bem vinda e um pouco necesárria sabe?
      Espero que goste e que não chore vinte baldes, mas eu diria que você dará mais sorrisos tristes do que derrubar lágrimas.
      Bjokas!

      Excluir
  4. Parece ser um livro tão... triste. Quer dizer, dá pra ver que é um YA com algumas gracinhas, como sempre, mas a história em si, por mais que possa ser tratada com leveza, é triste, gente.

    Não sei se gostaria de lê-lo, mas se me cair em mãos, pode ser que sim.

    Beijo ;*

    Wink!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai Mia.
      Eu não o coloco como triste... Sim, teve horas que eu fiquei revoltada com o quão depressivo era a situação dela sabe? Mas eu não o achei triste... Bom talvez tenha achado sim, kkkk, mas é um triste a la P. S. Eu te amo entende?
      Bjinhos

      Excluir
  5. Segunda resenha que leio desse livro, e confesso que quero muito ele, pois ele aparenta ser ótimo e gosto do tema dele. <3 http://luxuosoestilo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então aproveita e tenta pegar ele em alguma promo!!! É uma boa leitura. ;)

      Excluir
  6. Particularmente não gosto de livros que falam sobre traição, ainda mais nesse caso que a coitada da Naomi é traída duas vezes, aparentemente. Achei sua resenha ótima e adoro o Levithan, mas não sei se daria uma chance pra este livro em particular.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Stephanie.
      Então menina, o livro não fala sobre traição, até porque a Naomi não se sente traída sabe? Fala sobre você amar alguém que não te ama do mesmo jeito de volta, sim, acho que esse é o ponto do livro.
      E quem sabe um dia não?
      Bjs

      Excluir
  7. Oii tudo bem?
    Eu to doido pra ler esse livro só por causa da capa mas agora que eu já sei um pouquinho mais fiquei bem curioso para lê-lo :D

    Abraços!!
    http://lendocomobiel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey Gabriel.
      É o que eu sempre digo, engana-se aquele que diz não julgar um livro pela capa!
      Fico feliz que tenha se interessado mais ainda.
      Bjs

      Excluir
  8. Agatha, eu não dava muito por esse livro, mas a cada resenha que eu leio me apaixono mais.
    Estou louca para ler e ver o crescimento pelo qual os personagens passam.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Déborah.
      Menina se você está assim, não perca mais tempo e corre para lê-lo! Que eu acho que você vai se surpreender.
      Bjokas e espero que ao final da leitura você esteja completamente arrebatada!

      Excluir
  9. Oi Agatha, eu tenho muita vontade de ler esse livro, desde que foi lançado me apaixonei por essa capa maravilhosa e pela premissa dele. Adorei sua resenha, fiquei bem curiosa, estou procurando uma leitura leve e bem humorada mesmo :D

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Kétrin.
      Menina eu não diria leve, mas com certeza ela é bem humorada e eu acho que ele é a sua carinha mesmo, aposto que você vai gostar da trama e dos personagens.
      Bjokas moça

      Excluir
  10. Oi Agatha.
    Você e suas resenhas perfeitas <3
    Eu achei a ideia desse livro perfeita, acho que existe mais casos assim no mundo do que possamos imaginar mesmo.
    Eu estou tão curiosa para saber como essa história termina.
    Amei a resenha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Tati.
      Menina pior que existe mesmo, sabe, eu tenho vários amigos lindos e gays, e eles são ótimas pessoas, então eu sei que se uma menina não tomar cuidado ela facilmente se vê apaixonada por um cara que não vai rolar nunca e que não é por você e sim pela incapacidade dele de te ver com algum tesão... é bem complicado quando isso acontece.
      Obrigada linda e bjokas, espero que possa ler logo e goste, eu gostei, achei bem realista.

      Excluir
  11. Oi Agatha!
    Eu Todo Dia do David Levithan e desde estão ficou louca por ele justamente por essa característica que você levantou: mostrar que amor é amor, e pronto! Fiquei tão fascinada pela escrita dele e pela forma livre de ver o mundo que agora quero ler tudo o que ele escreveu.
    Confesso que imaginava esse livro mais leve, mais YA, mas pela sua resenha ele consegue atingir pontos mais profundos e nos fazer refletir.

    B-jussss!
    http://www.quemlesabeporque.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Nina.
      Sim, adoro essa característica do David, ele consegue nos tocar com tão pouco, consegue nos dar um tapa na cara com coisas tão banais, eu realmente gostaria de abraçar ele. E sim, ele consegue atingir uns pontos bem delicados e importantes, espero que te surpreenda.
      Bjinhos

      Excluir
  12. Olá!
    Não conhecia o livro, mas me interessei muito.
    Sua resenha despertou a minha curiosidade para essa história que parece ser profunda e marcante.
    Situação complicada a de Naomi. Acredito que o livro nos faça refletir bastante.
    Ótima resenha!
    Beijos.

    Li
    Literalizando Sonhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Aline.
      Nos faz refletir mesmo menina e espero que você curta a situação complicada dessa menina forte e marcante.
      Bjinhos e obrigada

      Excluir
  13. Olá!
    Essa é a segunda resenha que leio desse livro e fico cada vez mais ansiosa pela leitura!
    A premissa é bem original e eu fico curiosa para saber qual será a reação de Naomi.
    Adorei sua resenha e com certeza lerei o livro!
    Beijos!

    www.livrosdajess.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Jess.
      A premissa é bem original mesmo, eu nunca li nada igual, nem sequer parecido e só posso dizer que adorei, espero que você goste também.
      Obrigada e bjinhos

      Excluir
  14. Oi!
    Sua resenha me deu vontade de ler esse livro, porque eu não tinha visto ainda do que ele realmente tratava. Fiquei com medo de ser algo clichê, acho. :) Vou colocar na minha listinha de livros a serem lidos!
    Beijos!

    http://laoliphant.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Faah.
      Menina esse livro não tem nada nada de clichê! Achei ele bem original e que bom que você vai lê-lo.
      Bjinhos e espero que goste.

      Excluir
  15. Ei, que capa lindinha! Ainda não li nada do David Levithan, mas morro de vontade, especialmente por conta das tantas coisas boas que leio sobre os livros dele. Gostei da premissa deste, mas confesso que a capa já me conquistou, mesmo antes de saber do que se tratava hehehe e olha que isso não acontece com frequência comigo.

    Beijos, Livro Lab

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Aline.
      Essa capa é mesmo linda e conquistadora, mas o nome do David tem bastante peso para mim e menina se você nunca leu nada dele super recomendo que leia Todo Dia, é maravilhoso.
      Bjinhos

      Excluir
  16. Ola. Já li varias resenhas desse livro e já estou com ele na minha lista de leitura. A premissa é uma das minhas favoritas. Adorei sua resenha.

    Beijão da Lari 💋
    Brilliant Diamond | Fan Page

    ResponderExcluir
  17. Olá; amei a resenha; acho que foi a primeira que li sobre o livro e fiquei com muita vontade de lê-lo. Além de a capa ser muito lindinha, a história parece ótima.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marÿleite.
      Obrigada, fico contente que tenha gostado e mais ainda que eu tenha despertado o seu interesse pelo livro que é maravilhoso.
      Bjs

      Excluir
  18. Estou entrando em crise porque não li esse livro ainda. Essa capa , enredo ... Preciso já.

    www.itgeekgirls.com

    ResponderExcluir
  19. Achei a premissa muito bacana, deve ser ruim gostar de alguém que não tem nem a chance de gostar de você por ser do mesmo sexo. :/
    Que bom saber que a leitura é leve, com certeza vai entrar para os meus desejados.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  20. Oi ^^
    eu sou completamente apaixonada pela escrita desse autor. ele sabe abordar muito bem as situações que faz o leitor ficar envolvido de tal forma. aiai quase todos os livros que eu li dele se tornaram meus favoritos. espero gostar desse tbm.
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  21. Olá, tudo bem?
    Apesar de você estar dizendo que o livro é ótimo e de eu achar a capa linda demais, não vou ler a obra. O livro parece ser ótimo, mas não consigo ler nada que tenha traição :(
    Beijos <3

    ResponderExcluir
  22. Olá,
    Adorei a premissa do livro e imagino que se apaixonar por seu amigo, ele se revelar gay e beijar seu namorado não deve ser legal.
    Fiquei super curiosa para saber como será o desenrolar disso tudo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Oi Agatha, tudo bem?
    Nunca li nada do autor mas me interessei bastante pelo livro, tem um premissa ótima, sem contar essa capa lindinha.
    Bjs

    http://a-libri.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Oi, tudo bem?
    Fico feliz ao ver que o livro conseguiu te agradar bastante, eu por outro lado não fui conquistada completamente, acredito que foi porque li outros livros do David e minhas expectativas estavam nas alturas kkkk Mas enfim, é sim um livro divertido e agradável, por isso também recomendo a leitura o/

    Beijos :*
    Larissa - srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Oiii.
    Esse livro tem uma capa bem simples e ao mesmo tempo linda, gostei bastante da premissa da história e sua resenha ficou perfeita, quero muito ler esse livro logo.
    ♥♡♥♡♥♡♥♡♥
    Bjs.
    http://leiturasdamary.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Ai, eu tenho uma relação de amor e ódio com esse livro, e olha que nunca nem o li. Hahaha Às vezes me pego desejando-o, outras vezes eu quero passar bem longe dele porque sinto que não vai me acrescentar muita coisa (e a lista aqui já tá bem grande).
    Enfim... rs
    Um beijão!

    ResponderExcluir
  27. Oii!

    Confesso que o livro não chamou a minha atenção :/ A capa é muito bonita, mas a promissa não me conquistou. Vou deixar a dica passar.
    Parabéns pela resenha!

    Beijos, Amanda
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
  28. Olá, Sempre fico com um pé atrás com esse autor, o David Levithan, ou gosto muito do que ele escreve ou detesto, não consigo chegar em um meio termo. Por isso solicitei esse livro, e a capa... sim eu gostei muito também hahaha.
    Adorei a resenha.
    www.euinsisto.com.br
    Angel Sakura

    ResponderExcluir

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

últimas resenhas