30.3.16

[Resenha] A menina que não acredita em milagres :: Wendy Wunder


Autora: Wendy Wunder
Editora: Novo Conceito
Páginas: 327
Campbell tem 17 anos.
Ela não acredita em Deus.
Muito menos em milagres
Cam sabe que tem pouco tempo de vida, por isso quer viver intensamente e fazer tudo o que nunca fez, no tempo que lhe resta. Mas a mãe de Cam não aceita o fato de perder a filha, assim, ela a convence a fazer uma viagem com ela e a irmã para Promise um lugar conhecido por seus acontecimentos miraculosos. Em Promise, Cam se depara com eventos inacreditáveis, e, também, com o primeiro amor. Lá encontra, finalmente, o que estava procurando mesmo sem saber. Será que ela mudará de ideia em relação à probabilidade de milagres?
A Menina que não Acredita em Milagres vai fazer você rir, chorar e repensar sua conduta de vida.
Campbell não acredita em milagres. De jeito nenhum. Porque, afinal, existe explicação científica para tudo, de acordo com ela. E é assim que Cam passa seus dias: cética, esperando apenas que seu câncer terminal mate-a sem mais delongas, já que sua última consulta não foi muito animadora, devido ao fato de que os tumores se espalharam por todo o seu corpo. 

Porém, sua mãe, Alicia, é uma grande adepta à existência de milagres. Para ela - e pra irmã caçula de Cam, Perry - tudo é um milagre. Cada pôr do sol, cada vida, e cada batida de coração. E então, após vários tratamentos em vão, e a morte iminente de Cam a caminho, Alicia decide arrastar Cam para Promise, "onde os milagres acontecem."
E ela estava satisfeita. Tinha o carro, tinha um pássaro, e estava na estrada, correndo. Se ela continuasse a correr talvez o câncer nunca a pegasse.
Promise... o lugar que fez surgir esperanças de que possa existir um milagre para Cam. O lugar onde existem dentes de leão lilases, onde os flamingos aparecem misteriosamente, e onde filhotinhos de cachorros têm curas milagrosas, quando estão à beira da morte.
Parecia real para Cam que, não importa o que houvesse, ainda haveria tristeza.
Bem... definitivamente um dos livros mais lindos que li esse ano. Chorei, sorri, gargalhei, chorei mais uma vez. E, posso dizer, aprendi que o infinito não precisa ser para sempre. Um momento pode ser infinito, mesmo que acabe.

A menina que não acredita em milagres é um livro sobre o que todos nós já sabemos, mas não praticamos: nós precisamos estar abertos à felicidade. A menina que não acredita em milagres é um livro sobre como um lugar, algumas pessoas, e alguns milagres –ou coincidências, como prefere Cam-; deram luz à vida de uma garota que achava que o câncer era tudo que ela tinha. A menina que não acredita em milagres, é, sobretudo, um livro que mostra o quão é importante perdoar uns aos outros, e ainda mais importante, perdoar a si mesmo.
Ela podia escolher o câncer e a infelicidade ou as outras partes maravilhosas da sua personalidade. (...) Podia transformar o câncer numa parte muito menor de seu ser. Pela primeira vez em um tempo muito longo, o câncer não era tudo.

35 comentários:

  1. Olá, tudo bem?
    Esse título está na minha lista de desejados desde o primeiro momento em que avistei essa capa rs que por sinal é maravilhosa. E a editora está de parabéns porque sempre publica ótimos lançamentos. Sua resenha me deixou ainda mais curiosa, especialmente porque imagino que essa é uma leitura leve, mas que transmite boas mensagens. Obrigada pela indicação!
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Os lançamentos da Novo Conceito são ótimos sim <3 E eu recomendo esse livro, porque é de leitura fácil, e não deixa de ser um livro marcante! Pode ler, tenho certeza de que vai gostar :)

      Excluir
  2. Oie Ana!
    Fiquei em duvida se lia esse livrou ou Mentiras Como o amor e escolhi o ultimo, só que depois de ler a sua resenha, sei que preciso DEMAIS ler esse livro, certeza que vou me emocionar demais!! Parece ser uma história linda e adorei a mensagem que ele passa!
    Beijos!!


    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu, tudo bem? Tô doida pra ler Mentiras Como o amor, mas ainda não tive oportunidade :( E sim, é uma história linda sim <3 eu amei!

      Excluir
  3. Oi, o título deste livro me representa... rs
    pela sua resenha, dá pra ter ideia que o livro aborda algumas coisas bem sérias, como o perdão por exemplo. A inserida do câncer no enredo, também me deixou curiosa e por causa disso, já coloquei esse aqui na minha lista de desejos. Acho que vou apreciar a leitura!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Sim, aborda coisas sérias, mas também é uma leitura leve e divertida. Leia sim, vale muito a pena! Beijos :)

      Excluir
  4. Olá Ana,
    Desde que vi esse lançamento na lista da Novo Conceito, quis ler o livro.
    Gostei muito da sua resenha, dá para notar como o livro te tocou. Estar aberto à felicidade é algo importante, mas, como você disse, que não praticamos.
    Fiquei muito mais curiosa para ler o livro.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, Bruna! Nós queremos ser felizes, mas acabamos nos fechando e nos acomodando, impedindo a felicidade de chegar até nós. Leia o livro, vale super a pena!

      Excluir
  5. Oi!

    Como a Ivi Disse acima, esse título me representa (2)
    Eu achei bem bacana essa capa e confesso que no início, não tinha me interessado tanto assim pela história, mas ao ler sua resenha fiquei mais tendida a lê-lo. Deve ser uma leitura bem reflexiva e boa para a alma, deve ensinar. Fico feliz que tenha gostado, porque assim a gente vai ler mais tranquila. Haha beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Anelise! A capa desse livro é muito fofa hahaha. É uma leitura fácil e levinha, mas que não deixa de nos ensinar coisas boas. Recomendo a leitura! Beijos :)

      Excluir
  6. Olá!
    Gosto muito de livros assim, com drama e pessoas com doenças terminais que acabam vendo esperança onde não parecia ter.
    Esse é um livro que leria com certeza, chamou bastante minha atenção e vou procurá-lo.

    Abraços, Lara.
    http://www.imperio-imaginario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lara! Somos duas, eu amoooo livros assim, me toca profundamente. E sem contar que livros assim acabam nos ensinando muitas coisas também. Pode ler,tá recomendadíssimo hahah :)

      Excluir
  7. Olá, eu ainda não conhecia esse livro e apesar de esse tema já estar um pouco batido eu fiquei interessada nele. Gostei da proposta e acho que possa ser uma leitura bem interessante. Gostei da dica!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bia! Sobre o tema já estar batido, é verdade. Mas além do livro falar desse tema, ele fala (e nos ensina) várias outras coisas. Não é só sobre a doença, é sobre a felicidade e o perdão. Recomendo! Beijos c:

      Excluir
  8. Oiee ^^
    Fiquei curiosa para ler esse livro quando o vi na lista de lançamentos da editora, mas estou tentando me afastar um pouco de histórias tristes, então não o leria agora...hehe' não seria bom para mim *-* Mas fico feliz em saber que a história cumpre o que promete, e que você tenha gostado do livro e se emocionado. Adoro a capa ♥
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Dryh! Eu sou suspeita, porque tenho até o "hanking de morrer de chorar" hahaha! Mas além de chorar, gargalhei e sorri muito nesse livro. E sim, a capa é um amor <3

      Excluir
  9. Parece ser uma história triste, mas muito bonita. Fiquei comovida e morrendo de vontade de ler a obra e saber o que aconteceu com a Cam. Espero que tenha havido uma saída para ela, embora saiba que não há cura para um câncer em fase terminal com metástase. Mas para quem crê em milagres...

    Tatiana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Tati! Sim, sobre o câncer, é muito díficil sim, e é muito triste a doença e o desgaste emocional e físico que ela traz :( Leia o livro, é muito emocionante, e vale a pena! Beijos.

      Excluir
  10. Confesso que a capa não havia chamado a minha atenção, mas que bom que li sua resenha, pois a trama parece sensacional. Eu adoro esse tipo de leitura que faz o leitor ter um misto de emoções. Gostei bastante da premissa, e vou ler se tiver oportunidade.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Achei a capa um amorzinho, ahhahah <3 Eu também amo esse tipo de leitura que nos proporciona várias emoções! Leia sim, vale a pena. Beijos...

      Excluir
  11. Olá... Ana... tudo bem?
    Achei a capa super bonita... não sei, ela simplesmente é linda... mas o enredo não me contagia para a leitura... não curto ler sick lit e olha que adoro um drama, mas esse tipo de drama que tem a doença como ponto principal não me atrai... eu tive que ler A Culpa é das Estrelas para descobrir, mas os filmes da temáticas são ótimos... sempre assisto... que bom que a leitura fluiu pra ti e te emocionou, é muito bom quando um livro nos encanta a ponto de nos emocionar... Xero!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Diana! Estou bem, e você? Sick lit sempre me deixa pensativa e emocionada, mas vale a pena! Beijos :)

      Excluir
  12. Oii, tudo bem?
    Eu já tinha me interessado pela sinopse do livro desde o seu lançamento, e agora que várias pessoas estão elogiando o livro, a minha vontade de o conferir só aumentou. Fixo muito feliz que o livro traga uma mensagem tão importante e linda quanto essa, é preciso saber perdoar, só assim podemos viver plenamente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Oi Giovana, tudo ótimo, e contigo? Traz uma mensagem muito importante mesmo, e o livro nos proporciona um misto de emoções que vale muito a pena sentir. Concordo plenamente com você. E leia, vale super a pena!

      Excluir
  13. Adorei isso de que um momento pode ser infinito, ainda que acabe. É verdade, tem coisas que ficam gravadas fundo na gente. Adorei saber que o livro mexeu tanto com você, que te fez chorar e gargalhar. Realmente precisamos estar abertos à felicidade, perdoar aos outros e a nós mesmos (o mais difícil). Quero ler.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu nunca tinha pensado nisso, mas concordo com ela, Ju. E sim, perdoar a nós mesmos é ainda mais difícil do que perdoar os outros. Leia! Beijos (:

      Excluir
  14. Ooi,
    Eu já tinha visto a capa do livro por ai mas nunca tinha lido nada sobre ele até agora. Eu amei sua resenha! Além de super bem escrita ela me fez ficar sedenta por essa história. Espero poder ler o mais rápido possível!
    Vitória Zavattieri

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vitória! Muito obrigada, de verdade <3 Leia sim, vale a pena! Beijos.

      Excluir
  15. Oii,

    É parece que essa história me renderá litros e mais litros de lágrimas né?? hahaha. Desde quando fiquei sabendo sobre o livro, estou na curiosidade de ler.E pretendo lê-lo em breve. Parabéns pela resenha.

    ResponderExcluir
  16. Olá :)
    Vi a capa do livro nos lançamentos da NC e fiquei com muita vontade de lê-lo e lendo sua resenha me arrepiei em certas partes :O Tenho certeza que é uma leitura grandiosa e engrandecedora. Já está na minha lista de desejados <3
    Abraço
    http://interessantedeler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! A capa do livro é lindaaaa! Eu não sei você, mas esse tipo de capa me conquista instantaneamente. É uma leitura que aborda assuntos sérios, mas não deixa de ser uma leitura leve e gostosa. Pode ler, tá recomendado! hahahah. Beijosss <3

      Excluir
  17. Olá,
    Fiquei bastante curiosa com esse livro. Parece sim ser um livro para chorar e imagino que vou chorar litros, assim como você. Aparenta ser um livro lindo. Já adicionei aos que eu quero ler.
    Beijos,
    Delírios Literários da Snow

    ResponderExcluir

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

O StarBooks é onde trocamos figurinhas sobre livros, lançamentos literários e suas adaptações, entre outras coisas; sempre com o objetivo de incentivar a leitura independente de gênero. (Mais?)

 
StarBooks © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo