30.9.14

[Resenha] As crônicas do Mundo Emerso - A garota da terra do vento :: Licia Troisi

A garota da Terra do Vento -  As Crônicas do Mundo Emerso #1
Autora: Licia Troisi
Editora: Rocco
Páginas: 426
Skoob  Goodreads | Compare e Compare 
Criada por um armeiro e envolta pelo mistério de nunca ter conhecido sua mãe, Nihal vive na Terra do Vento e passa seus dias brincando de fazer guerra com um grupo de amigos. A vida da jovem muda quando a torre onde vive é invadida e ela presencia a morte de Livon, o homem que a criou e que tanto amou. Disposta a vingar o extermínio de seu povo e a proteger inocentes das tropas do tirano, Nihal decide tornar-se uma guerreira de verdade. Ela sabia que a invasão da Terra do Vento era mera questão de tempo, pois a guerra do Tirano já havia conquistado cinco das oito Terras Livers do Mundo Emerso. Para isso, a jovem se prepara estudando magia e trinando com afinco na Academia da Ordem dos Cavaleiros de Dragão da Terra do Sol.
   
Convenhamos que essa capa é linda demais, o gráfico é perfeito, o ilustrador, Paolo Barbieri, fez várias capas famosas em toda Roma e de alguma maneira, essa menina vestindo couro, que me lembra a mulher gato, fez meus pais comprarem o livro que chegou à mim. Capas realmente valem muito.


Nihal é uma menina de cabelos azuis, olhos violetas e que sonha em um dia ser guerreira. Correndo entre os corredores de uma das Torres da Terra do Vento, uma das poucas terras há continuar livre, e a loja de armas do pai, ela foi crescendo e chamando atenção ao se destacar em lutas.


Um dia confiante demais ela aceita duelar contra Senar, uma rapaz franzino mais velho que ela, o que seria uma vitória fácil se mostrou uma derrota. Senar era um mago. Aprendiz de Solana, uma velha amiga do pai de Nihal, Livon, e que no fim recrutou a menina para os aprendizados mágicos, o que se mostraram não sendo seu forte. Mas dessa convivência frequente Nihal e Senar se tornaram bons amigos.


Quando a torre onde ela mora com o homem que a criou, Livon, é invadida pelos soldados do Tirano, uma força que toma a cada dia mais um pedaço de terra numa guerra sangrenta, e ela vê quem ama morrer, Nihal decide lutar de verdade e junto de Senar embarca numa missão para se tornar uma guerreira e descobrir seu passado, saber o que está escrito em seu destino e quem o escreveu, pois humana ela já descobriu que não é.


Iremos ver Nihal crescer e passar por variadas situações, num livro onde a magia é uma necessidade e a guerra dura anos, ela se vê rodeada de mortes, egredos e descobertas. Junto de seu amigo, Senar, irão trilhar caminhos novos e difíceis, conhecerão amigos e farão inimigos, mas acima de tudo irão entrar para a história.



Eu amo Licia Troisi, sou fascinada por seus livros e sua escrita. Narrado em terceira pessoa o livro vai variando os pontos de vista conforme os fatos vão acontecendo mas sempre se mantém perto da nossa protagonista.




E que protagonista! Nihal é jovem porém é forte, não se abala e tem atitude, ao fim da leitura passei a nutrir por ela um profundo carinho. Ela se mostrou muitas coisas e nenhuma delas me decepcionou. E ela luta muito bem, amo mulheres que conseguem nocautear ou desarmar um homem. Licia Troisi fez mágica, considerada um prodígio em seu país, ela criou um novo universo incrível, cheio de mistérios e tudo muito consistente, e ela é formada em astrofísica!


Para quem gosta de Game of Thrones, Dragões de Éter, Assasins Creed e Trono de Vidro esse é um livro que irá encantar e entrar para a lista dos favoritos. Mas mesmo assim recomendo a leitura para quem procura muita ação, mistério e romance, mas o tipo de romance que não nasce do nada, aquele amor puro que nasce nos momentos mais inusitados, aquele amor que quando você o nota se pergunta como não percebeu antes e claro para quem gosta de magia e seres místicos. Com certeza esse é o livro certo.


12 comentários:

  1. Olha primeiramente tenho que te dar os parabens pela sua resenha, pois está realmente INCRIVEL. Segundo, não conhecia esse livro. Eu nem sei o que esperar de uma leitura assim, até porque eu não curto muito gênero de terror e carnificina e nào sei se é o caso desse livro, mas eu poderia dar uma chance para poder conhecer a história, porque depois de tudo que você contou, acabou me chamando bastante atenção. Simplesmente amei e você tá de parabens pela sua escrita que é ainda mais fascinante e gostosa de ler. =]

    Outra coisa, eu também concordo com vc, a capa é linda mesmo.
    Adorei.

    Enfim...

    Agora deixa eu me apresentar, porque é minha primeira vez aqui em seu blog
    e tenho que dizer que fiquei fascinada pelo seu cantinho. Vou te seguir e espero que vc tbm me retribua para que possamos ser boas amigas de visitar uma a outra. Espero contar com vc também. Adoro conhecer blogs novos e o seu me encantou. Vou até colocar o seu blog junto com dos blogs amigos para que eu possa visita-la sempre que tiver novidades.

    Se puder, venha conhecer meu cantinho também viu?!
    Se cuida linda e parabens =]
    bjokas

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Silvana, primeiramente muito obrigada, fiquei lisonjeada com seu comentário! Segundo, não, o livro não é uma carnificina, há mortes? Sim. Muitas? Sim, afinal eles estão numa guerra, mas não me lembro de nenhuma morte desnecessária ou por demais sanguinolenta, e não pense, por favor, que o livro é só morte morte morte, há todo um contexto e bastante trama também, ele não tem nada de The Walking Dead, kkkk.
      E pode deixar, eu vou sim estar dando uma olhada no seu blog e comentar algo, para que você saiba "Hey estou aqui!", sendo assim se cuide também e mais uma vez obrigada, fiquei imensamente feliz em saber que você gostou da minha resenha a ponto de dar uma chance ao livro.
      Bj.

      Excluir
  2. Mais uma autora que se baseia na Terra-Média de Tolkien *-* Dá para saber porque qualquer livro que tenha um mapa assim no início, se baseou nele. Eu achei que era independente pela capa quando vi que era da Rocco :O A personagem na capa está tão artificial, seria melhor se fosse ao menos capa dura, é? Mas parece realmente muito legal *-* adoro estórias assim.
    Hey, você sabia que eu escrevi um livro? Chama-se "O homem que odiava o mundo" e vai ser lançado em novembro e eu adoraria vê-lo resenhado no seu blog *-* se tiver interesse em fazer parceria comigo (enquanto autora), é só visitar o blog do livro e visitar as páginas para saber como. Após o lançamento responderei à todos que desejam fazer parceria comigo. Abraços!
    Link do blog: http://ohomemqueodiavaomundo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha Sara, não posso dizer que não sinta influências de Tolkien, até porque convenhamos que Tolkien influência muitos escritores, mas no fim as histórias não estão exatamente relacionadas, tudo é bem diferente. É como dizer que Richelle Mead usou como base Bram Stoker para escrever Academia de Vampiros, entende?
      O livro é legal sim, super recomendo e agora estou sabendo! Prometo dar uma olhada no blog do seu livro e parabéns, como autora é uma grande conquista.

      Excluir
  3. Fiquei apaixonada por essa capa, muito lindo esse trabalho. O livro parece ter uma história muito boa, mas no momento não o leria, mas a dica já está anotada aqui!
    http://pactoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, sim o artista é maravilhoso, me lembra muito os gráficos de Final Fantasy. Que bom que ficou anotado, tudo de bom!

      Excluir
  4. Gostei da resenha Agatha. Essa série de fantasia parece ser muito boa. Se tiver oportunidade, pretendo lê-la. Beijo!

    www.newsnessa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vanessa, sim essa série é incrível pode apostar! E obrigada.
      Bjs e boa leitura

      Excluir
  5. Oii!
    To doida para ler essa série.
    A resenha ficou ótima!!

    Beijos,
    Juh
    http://umminutoumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey Juh, que bom que gostou da resenha fico feliz com isso e obrigada pelo comentário.
      Abraços

      Excluir
  6. Minha linda fico feliz de saber que o livro não é pesadão.
    Ai eu já tenho interesse de ler, até porque eu achei a capa linda
    e a história também me chamou bastante atenção. Por isso vou ver se dou uma chance para leitura pra ver se vou gostar =] Obrigada por ter me respondido acima viu?!
    Espero logo ver outras novidades aqui
    bjoss

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro que eu responderia e por nada, eu que agradeço por você ter comentado e sim dê uma chance, mal não pode fazer rsrsrs.

      Excluir

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

O StarBooks é onde trocamos figurinhas sobre livros, lançamentos literários e suas adaptações, entre outras coisas; sempre com o objetivo de incentivar a leitura independente de gênero. (Mais?)

 
StarBooks © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo