15.3.15

[Resenha + Trilha Sonora] Faça Amor, não Faça Jogo :: Ique Carvalho

Faça amor, não faça jogo
Autor: Ique Carvalho
Editora: Gutenberg
Páginas: 224
Skoob  | Goodreads | Compare e Compre
Viver a plenitude do amor é o desejo senão de todas, ao menos da maioria das pessoas. Amar e ser amado incondicionalmente, contar com o apoio de alguém para as horas difíceis e para os momentos alegres, e saber que independentemente do que fazemos, alguém estará ao nosso lado simplesmente pelo que somos é o ideal de vida de muitos. Viver esse amor na prática, no entanto, nem sempre é fácil. E é exatamente sobre felicidade, vida e amor que Ique Carvalho fala neste livro. O autor, que começou escrevendo em seu blog e já tocou o coração de milhares de pessoas que se envolveram e se emocionaram com suas palavras, descreve com perfeição o amor que muitos procuram e poucos realmente encontram. E ele fala do amor em todas as suas expressões: desde o romântico entre duas pessoas até o mais puro e verdadeiro dos laços familiares, que ele tem com seu pai e mentor. Como as relações humanas são frágeis e complicadas, os relacionamentos tornam-se difíceis, o que nos faz buscar a felicidade nos lugares ou nas pessoas erradas. Mas o autor nos faz enxergar a vida de forma diferente. Faça amor, não faça jogo é um lembrete de que, no jogo do amor, não é necessário haver ganhadores ou perdedores. Basta olhar e aceitar novos paradigmas e acreditar no que diz seu coração. E vivenciar isso de verdade.
Quando você sonha, a razão dorme e o coração acorda. Então, deixe o seu coração guiar você. Ele é o único que pode, um dia, levá-lo até o maior sonho da sua vida.
Tem como uma capa vermelha não te atrair? Tem como seus olhos passarem por ela batido e não se desviarem e ali pararem por um único segundo? No meu caso a resposta é não... Não tem como eu não dar uma segunda olhada e foi isso que aconteceu todas as vezes que peguei esse livro em mãos, ele é lindo, trabalho impecável da editora, mas ele só chegou até minhas mãos por conta de um amigo secreto, foi meu presente e devo dizer "Que presente!!!"

Faça amor, não faça jogo reúne ao todo 44 pequenos textos que nos contam histórias da vida do Ique e que nos impelem a refletir sobre nós, nossos relacionamentos, sobre o próximo e sobre como mostramos nosso amor, como nos doamos ao outro. 
Neste mundo, meu velho, quem fala com a razão acha maluco quem escuta o coração. Posso aceitar isso. E você? Se eu pudesse te dar um único concelho seria: Seja sincero. Não vale a pena fingir. Um dia, toda mentira chega ao fim.
Ique Carvalho largou a faculdade de psicologia e fez Publicidade e Propaganda, abriu uma agência e pouco depois criou seu blog; depois de um término traumático e de seu pai ser diagnosticado com uma doença rara e sem cura começou a escrever em seu blog sobre a vida, o amor e relacionamentos e este livro é um agrupamento de suas reflexões e vivências somadas à de seu pai.


Eu não devo falar mais que isso. Não sobre a história pelo menos, sobre seu conteúdo, estragaria a surpresa e o efeito. Por isso para convencê-los de que devem sim ler esse livro, vou contar como foi lê-lo.

Primeiro lá vou eu abrir o livro e me deparo com a a seguinte frase "Leia ouvindo Adam Levine, Lost Stars.", e entendam, não sou exatamente a melhor pessoa para se conversar sobre música, mas com certeza sei que determinadas palavras lidas ao som de determinadas notas soam diferentes, por isso lá fui eu baixar todas as quarenta e quatro canções do livro e recomendo expressamente que façam o mesmo antes de começarem a ler, é meio fantabuloso.

E depois de ter feito isso estava me faltando tempo, mas peguei o trem e liguei meu iPhone na trilha sonora e comecei a ler, levei pouco mais de duas horas para ler o livro, ao som de inúmeros cantores e a cada texto e música que passava eu sentia meu peito se inflar, meus olhos marejarem e um sorriso totalmente encantado e desarmado se abrir. 
As coisas caem e quebram, é a vida. E a vida é dura. As pessoas cometem erros. Mas, se você me perguntar, é a parte que vem depois que importa. A parte em que você faz a coisa certa.
Ique e seu pai, de maneira simples e encantadora me fizeram refletir e sorrir sobre coisas simples e profundas. Eu me peguei querendo gritar ao mundo que todos devem ler esse livro pois ele é fantástico e que não importa quantos outros livros eu leia esse ano, Faça amor, não faça jogo é o melhor livro do ano. Ele me fez querer pegar o telefone e ligar para quem eu amo só para dizer "Estou com saudades, devemos nos ver, quero te dar uma abraço e eu te amo."

Isso sem falar da maravilhosa trilha sonora que combinou tão bem as palavras escritas, nunca antes tinha feito isso e devo dizer que foi uma experiência que quero repetir futuramente. E também foi por isso que decidi colocar aqui algumas, dez na verdade, músicas que acompanharam meus contos favoritos, o que não é de todo verdade, amei todos os contos, mas colocar as quarenta e quatro músicas aqui iria estragar a surpresa não?

Namore uma mulher que sorria ao som de Say Something
O que mais? ao som de Lying to the mirror
Você finge para quem? ao som de Underlying message
O último beijo ao som de All of the stars
E agora? ao som de Blue and white
Que se danem os princípios ao som de Bloodstream
Então é isso ao som de Here with you
Como não ter saudades de um amor ao som de When a heart breaks
E voce, quem é? ao som de Poison & Wine
Antes de partir ao som de Little hell

E sim, eu disse que seriam apenas dez, mas esse aqui, ah, esse aqui me tocou profundamente por isso aqui vai mais um conto:


Enquanto eu viver ao som de Save home


Assim como disse anteriormente, recomendo este livro a TODAS AS PESSOAS, é um livro sobre amor, para homens e mulheres e sinceramente acredito que não há o que não gostar. 
"Quando o querer é sincero, o amor se torna completo"


5 comentários:

  1. Que demais esse livro, eu não o conhecia mas achei bem legal. Ainda mais na parte das músicas, a trilha sonora é muito boa!! Além que a capa chama muito a atenção, e o nome também! Ameii.
    Beijos,

    http://our-constellations.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Ana! Tudo bem lindinha!?
      Esse livro é maravilhoso, mesmo! Super recomendo e espero que você possa ler logo, e sim a capa é linda e vermelha e tudo de bom!
      Bjinhos e obrigada

      Excluir
  2. Sou louca nesse livro! Assim que der eu compro! O blog dele é divo demais, e as músicas que ele escolhe compõe a essência do texto.. sei lá, ele simplesmente arrasa!
    Obrigada pela resenha! Beeijo
    http://oteoremafeminino.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Já estou de olho nesse livro faz um tempinho bom! Essa capa acho apaixonante... e a proposta do livro também é maravilhosa! Não conhecia essa trilha... bem legal!

    http://psicoselliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Agatha, menina, sua resenha ficou ótima! Eu não conhecia esse livro e você me deixou com vontade de lê-lo, de verdade!! A vantagem de livros de contos/crônicas é que se quisermos podemos ler em doses homeopáticas né ;) caso eu leia, espero gostar tanto quanto você gostou *-*
    Beijos

    ResponderExcluir

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

O StarBooks é onde trocamos figurinhas sobre livros, lançamentos literários e suas adaptações, entre outras coisas; sempre com o objetivo de incentivar a leitura independente de gênero. (Mais?)

 
StarBooks © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo