26.5.15

[Resenha] A verdade sobre nós :: Amanda Grace

A verdade sobre nós
Autora: Amanda Grace
Editora: Intrínseca
Páginas: 208
Skoob  | Goodreads | Compare e Compre
Madelyn Hawkins está cansada. Cansada de ser sempre perfeita. Cansada de tirar A em tudo. Cansada de seguir à risca os planos que os pais fizeram para ela. Madelyn Hawkins está cansada de ser algo que não é, algo que não quer ser. E então ela conhece Bennet Cartwright. Inteligente, sensível, engraçado. A seu lado, ela se sente livre e independente. Uma história que poderia muito bem ter um final feliz, não fosse por um detalhe: Maddie tem apenas 16 anos, e Bennet, além de ter 25 anos, é seu professor. Pressionada pelos pais a participar de um programa para jovens talentos, Maddie pula dois anos do Ensino Médio e vai direto para a faculdade, onde conhece e se apaixona pelo professor de biologia. O sentimento é recíproco, e para dar uma chance àquele novo relacionamento que lhe faz tão bem, ela decide não contar para Bennet sua idade. Não demora muito para que as coisas comecem a dar errado, e as consequências da farsa de Maddie ganham contornos devastadores quando a verdade vem à tona. 
Dez anos não é muito, sabe? Se eu tivesse vinte e você, trinta, será que alguém se importaria? Parece cruel que quatro aninhos sejam tão importantes, capazes de mudar uma vida.
Na verdade, só dois importavam. A diferença entre dezesseis e dezoito.
A diferença entre o amor que pode durar uma vida e o amor que nunca pode acontecer.
Madelyn Hawkins é a filha perfeita em todos os aspectos: ela tira notas perfeitas, obedece aos pais, tem os mesmos planos para o futuro que eles... E é por isso que ela aceitou se formar no colégio com créditos em matérias básicas da faculdade, é por isso que ela aos dezesseis anos está iniciando a faculdade em Washington.

Mas Madelyn não é a filha perfeita que todos pensam. Ela na verdade se sente compelida a tudo que todos lhe dizem e lhe mandam fazer, ela entrou num caminho sem volta, onde seus pais ditam seus passos de acordo com suas expectativas e vontades e ela está cansada de tudo isso, está cansada de ser algo que não quer, está cansada de ser perfeita.

E é por isso que quando ela entra na sala de aula de Biologia em seu primeiro dia de aula e vê Bennet Cartwright, ela não pensa no fato de que ele deve ser muito mais velho que ela, ou de que ela é sua aluna ou qualquer outra coisa. Madd só pensa no quanto ele é lindo, e em como seus olhos parecem brilhar quando pairam sob ela.

E tudo estava indo bem, até aquele encontro na trilha, onde sem querer eles se esbarraram e tudo mudou, eles queriam algo mais, estava claro. Porém onde aquilo os levaria? Afinal ela só tem dezesseis e ele vinte e cinco e isso... Bem, muitos acham que isso é ilegal e nojento.
Às vezes, parecia que o coração falava por nós e o cérebro não estava presente.

Quando eu vi a capa desse livro eu simplesmente pensei "Eu tenho que comprar esse livro!", e ao ler a sinopse pensei que apesar de ser um tema meio clichê - aluna e professor se apaixonando - ainda sim parecia ser diferente e eu me encantei. E sabe, eu estava certa, de comum e clichê essa história não tem nada.

Madd é uma menina que possui uma família controladora onde tudo e todos devem ser perfeitos, inclusive - principalmente - ela, porém tudo mudou quando seus olhos cruzaram com os de Bennet.
Você tem esse olhar, Bennet, esse tipo de olhar com um brilho muito especial quando tenta controlar o sorriso, mas mal consegue. Seus olhos brilham, e você fica simplesmente lindo.
Eles tem quase uma década de diferença e isso muda tudo do ponto de vista legal, mas não muda seus sentimentos e nem sua vontade de ficar com ele e isso dá corpo e voz a suas ações.

O livro todo é narrado a partir de cartas que Maddelyn escreve para Bennet e que cartas pessoal. É como ler sentimentos, é lindo, tocante e você se vê correndo loucamente para as últimas páginas.

Fiquei surpresa com a forma leve com que Amanda Grace narrou a estória e com como as coisas narradas fazem parte da vida de alguns e do quão realista ficou. E que final galera. Foi... Chocante por falta de uma palavra melhor, mas completamente certo e isso deixou tudo mágico!!!

Recomendo para todos que gostem de bons romances e que curtam Stephanie Perkins e Rainbow Rowell.


4 comentários:

  1. Gente! Parece maravilhoso, e quando li Rainbow Rowell no final da resenha, "senti o drama"! haha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Carina.
      É sim maravilhoso e com certeza é bem dramático, mas não de um jeito ruim kkk.
      Bjs

      Excluir
  2. Já li outras resenhas positivas deste livro e tem um tipo de trama que me agrada. Ele está na minha lista de leitura, falta só adquiri-lo.
    Abraços,
    Gisela
    @lerparadivertir
    Ler para Divertir

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey Gisela.
      Ele tem mesmo uma trama diferenciada e que bom que te agrada, menina dá uma olhadinha na Amazon, ele está baratinho por lá.
      Bjokas

      Excluir

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

O StarBooks é onde trocamos figurinhas sobre livros, lançamentos literários e suas adaptações, entre outras coisas; sempre com o objetivo de incentivar a leitura independente de gênero. (Mais?)

 
StarBooks © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo