controles do slide

9.6.15

[Resenha] Dias Infinitos :: Rebecca Maizel

Dias Infinitos - Dias Infinitos #1
Autora: Rebecca Maizel
Editora: Galera Record
Páginas: 384
Cansada de passar seus infinitos dias perseguindo e matando vítimas inocentes, Lenah Beaudonte, uma poderosa vampira da era vitoriana, decide abandonar seu coven de comparsas decadentes e transformar-se em humana. Mas o ritual capaz de transformá-la é extremamente perigoso. É necessário que um vampiro se sacrifique por ela, e não só isso; Lenah precisará passar 100 anos hibernando. Felizmente, Rhode, o grande amor da vida dela, resolve se sacrificar para realizar esse sonho. E a transformação é bem-sucedida. Após 592 anos, Lenah acorda em um corpo humano, na prestigiosa escola particular Wickham, em Massachusetts. Ela está completamente sozinha em outro século e precisa aprender a viver no mundo moderno, como uma adolescente comum. E justamente quando Lenah parece ter se adaptado à nova vida, feito novos amigos e até arrumado um namorado, o passado volta para assombrá-la. Seus ex-companheiros vampiros embarcam em uma caçada mortal para encontrá-la e capturá-la. Agora não só Lenah, mas todos que ama correm perigo. Será que ela conseguirá escapar e salvar os amigos sem revelar seu maior segredo?
Dias Infinitos, escrito pela Rebecca Maizel, está na minha lista de desejados do goodreads há anos –literalmente- e fiquei bem empolgada quando soube que finalmente seria publicado no Brasil. Já fazia um bom tempo que eu não lia algo relacionado a vampiros e gostei bastante dessa leitura.

Dias Infinitos alterna a narrativa entre o passado e presente da protagonista, Lenah, o passado, apresentado em flashbacks, representando a Lenah vampira do mal e o presente, a Lenah acordando como humana. Algo que diferencia Dias Infinitos de outros livros Young Adults com vampiros é que Maizel não romantizou os seus vampiros, eles não têm medo de serem cruéis, e o desenvolvimento do mundo deles foi bem feito, tendo características únicas, bem como algumas dos vampiros originais, sem falar no fato inédito, ao menos para mim, de uma vampira querer – e conseguir- se tornar humana.

Lenah era uma das vampiras mais fortes e tinha tudo o que desejasse, mas seu sonho após séculos naquela vida sanguinária era se tornar humana, algo que parecia ser impossível. Mas tinha uma forma disso ocorrer e foi o que bastou para que Rhode, o amor de sua vida, se sacrificasse para que seu grande sonho se realizasse.

Após passar 100 anos numa espécie de sono/hibernação, Lenah agora é uma simples adolescente de 16 anos numa escola cursando o ensino médio e pronta para viver sua nova vida, mas é uma pena que o seu passado, seu coven, não pensem da mesma forma e eles estão dispostos a tudo, mas deixá-la em paz e esquecer não é uma opção. Tentando se adaptar ao mundo atual ela conhece o humano Justin, um jovem que abalará o coraçãozinho da ex-vampira e cujo romance tive a impressão de ter o desenvolvimento forçado, já que o insta love foi algo bem presente, o que não me impediu de torcer pela felicidade do casal.
‘‘Rhode e eu éramos almas gêmeas. Unidos por um amor feito de paixão, de desejo por sangue e da compreensão inabalável da eternidade. Éramos amantes? Às vezes. Em alguns séculos mais do que em outros. Éramos melhores amigos? Sempre. Éramos próximos.’’
Os sentimentos da Lenah são tão fortes que é quase impossível não ter empatia pelos personagens, não gostar de quem a Lenah gosta, e ficar preocupado com relação aos seus inimigos, para dizer o mínimo. Só considero um tanto quanto falho o fato de a protagonista ter sido uma vampira muito poderosa e cruel e após o seu despertar, 100 anos depois num mundo que ela desconhece muita coisa, ela não enfrenta tantas dificuldades assim, também parece que seu passado não teve tanta importância, ela o abandona muito facilmente, parecendo que a vampira e a humana tem suas duas personalidades distintas ao invés de serem complementares, apesar de essa minha observação ter uma explicação no livro.
‘‘É fantástico como uma pessoa se convence de uma coisa quando quer esconder a verdade.’'
Esse foi um livro com prós e contras durante a narrativa; a autora mesclou idéias originais com clichês de uma forma que tornou a leitura bastante envolvente e espero que os próximos livros do que, ao menos por enquanto, é um trilogia sejam lançados logo logo. Devo citar também que adorei o trabalho final da editora, a capa ficou linda, principalmente se comparada à de outros países.

Leitura recomendada! Espero que curtam a obra e quem já leu, favor dizer o que achou, combinado?!

A série Dias Infinitos, escrita pela Rebecca Maizel é composta pelos livros:
1. Dias Infinitos
2. Noites Roubadas
3. Eternal Dawn (ainda não foi publicado em pt)
Para saber mais sobre cada livro basta clicar no referido título



comentários pelo facebook:

24 comentários

  1. Nunca tinha ouvido falar desse Déia e olha, faz tempo que não leio nada sobre Vampiros *-*
    Amei demais conhecer!!

    www.chaeamor.com

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito do teu blog!
    Se puderes vista o meu e se gostares segue...se seguires deixa comentário :)
    Beijinhos

    http://beautifullsecrets.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  3. Oláaa,
    Nunca tinha ouvido falar desse livro, mas logo fiquei interessada. Ultimamente eu estou para esse tema de fantasia, e a pouco tempo mesmo eu li um livro de vampiro. Com isso despertou a minha curiosidade sobre o tema. Acho que vou gostar desse livro, vou adicionar ele na lista. Além que a capa é linda, né??

    Beijos, Our Constellations

    ResponderExcluir
  4. Faz muito tempo que não leio nada relacionado a vampiros e não conhecia o livro antes dele ser lançado por aqui, pelo menos não que eu lembre rs.
    Eu só não o havia colocado na lista, porque li uns comentários negativos sobre ele que me desanimaram com a leitura.
    Gostei de saber que os vampiros não são romantizados. Ainda não sei se leria, prefiro fugir de trilogias ou séries porque tenho várias para terminar. E apesar de você encontrar prós e contras, que bom que se envolveu na leitura.
    Quem sabe um dia eu leia...

    Andresa Dias
    Leituras&Fofuras
    http://leiturasefofuras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Andréia, tenho lido bastante resenhas desse livro, que parece ser interessante. Essa questão de ser ex-vampira e se adaptar a vida "normal". Espero poder ler logo, pois eu adoro vampiros, são um dos series sobrenaturais que mais me atraem.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Oi Andréia, tudo bem?
    Com a quantidade de resenhas positivas que tenho lido do livro minha ansiedade em lê-lo vem aumentando cada vez mais. Adoro histórias com vampiros, então tenho certeza que irei gostar.

    Bjs, Glaucia.
    www.maisquelivros.com

    ResponderExcluir
  7. Gosto mesmo é de vampiros romantizados... rs... isso deles não terem medo de serem cruéis é o que me afasta do livro, vampiros não são meus seres preferidos e quanto mais cruéis menos eu gosto deles. E é estranho mesmo isso dela despertar 100 anos depois e não sentir tanta dificuldade em lidar com o mundo, que deve ser um lugar completamente diferente do que ela conheceu. Não acho que eu vá gostar da história.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bem?

    Quem leu esse livro lá no blog foi a Tamires e ela teve uma opinião bem parecida com a sua. O livro é bem dividido em pontos positivos e negativos, mas no geral a obra é bacana e trabalha um conceito não muito abordado, que é esse lance da hibernação do vampiro e a possibilidade de com magia ele voltar a ser humano. Realmente o trabalho da editora ficou lindo, principalmente os tons de azul usados na capa.

    Abraços,
    Matheus Braga
    Vida de Leitor - http://vidadeleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Dias infinitos tem uma capa curiosa, fico me perguntando se condiz com a história.
    Quanto a esse enredo, nada desperta meu interesse, esse lance de vampiro já está tão batido que livros com essa temática tem que ter um bom diferencial pra chamar minha atenção.

    Beijos
    www.leiturasdapaty.com.br

    ResponderExcluir
  10. É por isso que eu não acompanho livro lá fora, pra não surtar com anos de espera (mentira, é pq eu não sei inglês mesmo rsrs).
    Quando os autores já não têm o que inventar pra variar as histórias de vampiro, vem Rebecca e volta a bicha pra humana. Entendo isso não. o.O Enfim, não gosto de fantasia e acabo descartando tudo do gênero.
    Gostei da capa e da edição, ficou bem bonita.
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  11. Oi, flor. Tudo bem?

    Eu já conheço a história desse livro porque li algumas resenhas dele pela blogosfera, apesar de algumas ressalvas, eu tenho interesse em ler. Sou apaixonada por histórias com seres sobrenaturais, principalmente os vampiros e a capa desse livro é linda. Enfim, eu leria sem problemas. Em suma, parabéns pela resenha.

    Beijos,
    Leitora Sempre

    ResponderExcluir
  12. Oi Andréia, conheci esse livro a pouco tempo em um outro blog, e o plot da história até me chamou atenção, mas assim como você a outra blogueira ressaltou alguns pontos fracos que ao meu ver atrapalhariam e muito a minha "analise" do livro. Principalmente essa mudança brisca da personagem e o fato de ela parecer ter duas personalidades distintas. Então, apesar de ter curtido o enredo eu não leria essa história!

    ResponderExcluir
  13. Olá Andreia, já fiquei interessada em lê-lo só pelo fato de uma vampira querer se tornar humana e conseguiu, porque normalmente é o contrario, então apesar dos pontos negativos que você ressaltou vou coloca-lo na minha listinha de desejados *--*

    Visite "Meu Mundo, Meu Estilo"

    ResponderExcluir
  14. Olá

    Achei essa capa bem linda! E a sinopse bem chamativa! Adorei a sua resenha, quero muito conhecer esse livro agora. Lista de desejados, claro. Faz tanto tempo que não leio nada com vampiros, espero não me decepcionar.

    Beijos
    www.estantedarob.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oi Andréia!
    Eu só conheci esse livro agora que ele foi traduzido, mas gostei bastante da sinopse e da capa. Que bom que a autora não romantizou tanto os vampiros, já estou meio cansada disso, sem contar que também gostei da ideia de a protagonista voltar a ser humana... É uma pena que o romance tenha ficado um pouco forçado.
    Bjs
    sobrelivrosesonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oi Andréia, sua linda, tudo bem?
    Eu adoro vampiros e achei esse livro super diferente justamente pelo fato de encontrarmos uma vampira que queira ser humana e que conseguiu. Fiquei de coração partido por saber que para isso acontecer, seu grande amor teve que se sacrificar, por isso, depois fiquei triste ao saber que o romance pareceu um pouco forçado. Se mesmo apesar dos apontamentos que fez, gostou do livro e quer continuar a leitura, então, quero dar uma chance a ele.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Olá, é bom estar por aqui, adorei seu blog e gostaria de te fazer um convite:Quer fazer parte do projeto "Turbonauta"? Lá reunimos os melhores blogs da atualidade e o seu seria super bem vindo entre eles, é simples, sem cadastro e grátis, passa lá, divulgue seus links diariamente.
    Até mais e tenha um ótimo fim de semana
    http://turbonauta.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi Andrea,

    Eu acho a maioria das capas dos livros de vampiros lindas, mas nunca li nenhum do gênero, acho que por medo, por não gostar de crueldade, entretanto, não sei bem o motivo, sinto que um dia terei que me aventurar em uma leitura vampiresca, hahaha. Lendo sua resenha me pareceu que este livro deve ser o meu início, pois tem romance, você disse que é impossível não se apaixonar pelas personagens e mescla algo clichê, que também gosto. Então, vamos colocar na lista de desejos.

    Beijos
    Tânia Bueno
    www.facesdaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  19. Oiii flor tudo bem??
    Eu namorei muito a capa desse livro... o título também é muito instigante... porém a narrativa não me convenceu muito sabe... é uma pena pq eu tinha algumas expectativas sobre ele... enfim... pelo menos a leitura foi satisfatória... xero!!

    ResponderExcluir
  20. Oiii
    Gostei bastante da capa do livro, mas a premissa e o que você disso sobre ele não e chamou muito a atenção ao ponto de lê-lo, por isso vou deixar passar, mas quem sabe mais para a frente eu o leia.

    Beijos
    http://www.sacudindoaspalavras.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Olá, tudo bem?

    Uma das resenhistas lá do blog já leu esse livro e gostou, mesmo com alguns pontos negativos! Vendo sua resenha, percebi que você teve a mesma (ou bem parecida) reação que ela quanto a obra! Gostei bastante da sua resenha! :)

    Um abraço,
    Sérgio H.

    www.decaranasletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. Oi Andrea, tudo bem?

    Confesso que sou chata com livros de vampiro. Não é qualquer tipo de livro deles que eu gosto. Por isso não sei se eu leria Dias Infinitos, principalmente vendo os prós e os contras que você apontou. Acho que eu iria deixar a leitura passar.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  23. Andreia lindona a premissa do livro é bem interessante, não vemos quase uma vampira se tornar humana por conta de um grande amor, essa é a segunda resenha que leio, e os pontos negativos estão me desanimando e olha que amo livros com esse tema. Deixei anotado para ler em outro momento. beijos

    Joyce
    Livros Encantos

    ResponderExcluir
  24. Estou com esse livro em minha estante. Ouvi algumas críticas a respeito. Mas nenhuma delas me fizeram perder a vontade de lê-lo.
    http://filosofodoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

últimas resenhas