26.6.15

[Resenha] Sempre fui sua :: Penelope Douglas

Sempre fui sua - Bullying - Fall Away #1
Autora: Penelope Douglas
Editora: Universo dos Livros
Páginas: 360
Skoob  | Goodreads | Compare e Compre
Primeiro volume da série “Fall Away”, Sempre fui sua narra a história de Tatum Brandt e Jared Trent. Os dois cresceram juntos e se davam muito bem na infância, mas na adolescência essa relação é transformada em um ódio mortal. Jared não perde uma oportunidade de humilhar sua ex-amiga que, pouco a pouco, começa a nutrir um desejo de vingança por ele. Amor ou ódio? Qual será o real sentimento entre os dois? Será que Tate vai perdoar Jared e dar uma chance de reconhecer o seu verdadeiro amor? Será que, na verdade, ela sempre foi dele?
Tatum Brandt e Jared Trent já foram amigos, inseparáveis, daqueles que são o Sol de seu pequeno mundo e coordenam sua rotina, daqueles que você corre para contar quando algo sensacional acontece e corre para chorar quando o mundo despenca. Eles eram esse tipo de amigos. Eles eram duas crianças gravitando uma ao redor da outra com tamanha intensidade que ninguém cogitava separá-los, que todos suponham ficariam juntos para sempre
- Nos dias ensolarados, quando eu era mais jovem, adorava acordar com aquela sensação gostosa. Você me deixava louca te esperando, igual a uma tempestade sinfônica. Você era um temporal no sol, um trovão em um céu entediante e sem nuvens. Lembro que eu tomava café da manhã o mais rápido possível para que eu pudesse voltar e bater na sua porta. Brincávamos o dia todo, eu ia para casa apenas para comer e dormir. Brincávamos de esconde-esconde, você me empurrava no balanço, ou a gente subia em árvores. Ser sua parceira me dava uma sensação de lar novamente.
Porém não foi isso que aconteceu. Depois da ida para a casa do pai nas férias do décimo quarto verão de Jared, tudo mudou; ele estava frio e distante, seus olhos que antes a olhavam com carinho, alegria e diversão agora a olhavam com raiva e frieza, ele não queria mais sua companhia, ele não queria mais estar no mesmo espaço que ela e isso quebrou o coração de Tatum, mas ela resistiu, não iria ruir de novo, já bastava ter perdido e sofrido com a morte de sua mãe, ela não choraria por Jared.

Contudo quando o ensino médio começa e Jared passa a ser o mais babaca possível, ela quebra sua promessa de não chorar por culpa dele, todos os dias na escola são terríveis, todos zoam ela, todos pensam algo extremamente ridículo dela e Tatum não pode fazer nada, afinal Jared ainda é o Sol, todos ainda giram em torno dele, menos ela ao que parece, por não ser boa o bastante para tal.
-Isso, continua sonhando. - Ele apagou toda a nossa história e amizade, e jogou isso em mim como um tapa na cara.
- Eu te odeio! - gritei para ele com força. Um dor se instalou dentro de mim.
- Que bom! - gritou ele para mim, me ameaçando. - Até que enfim. Porque faz muito tempo que não aguento mais olhar para você! - Ele bateu a palma da mão na parede perto da minha cabeça me fazendo pular.
Por isso, no segundo ano ela viaja e passa um ano na Europa e quando retorna está decidida a ter um ótimo ano, a transformar o último ano na escola no melhor, mesmo que isso envolva enfrentar Jared e conquistar seu espaço, o que ela não contava é com a mudança de seus sentimentos e a resposta de seu corpo a ele, sempre foi assim eletrizante? Sempre pareceu errado não estar perto dele? Por que a gente se odeia mesmo?

Ela não sabe, mas a cada dia Jared vira um quebra cabeça mais complicado e sua vontade de mandr tudo para o ar e beijá-lo aumenta, será que eles ainda podem voltar a serem o centro do mundo um do outro?


Narrado em primeira pessoa do ponto de vista de Tatum - sou só eu que acho essa nome estranho em uma garota? Sempre que leio ele visualizo o Channing Tatum -, temos uma visão mais limitada do que está acontecendo de um modo geral, mas ela compensa sendo centrada e bem perceptiva para os sentimentos dos outros.

Logo no início vemos Jared sendo bem cruel com Tatum e ao mesmo tempo possessivo e isso te confunde, o que ele tem contra ela afinal? É inexplicável. Porém conforme as coisas vão avançando e seu comportamento vai se tornando mais infundado com as revelações do passado de ambos você percebe que talvez tenha mais ali do que parece.

Gostei de como o bullying é retratado, de como mostra o quão duro e cruel pode ser a exclusão social dentro da escola, de como os alunos são volúveis e suscetíveis a opinião dos mais "fortes", e de como Tatum reage a isso, de como ela decide parar de ser a vítima e começa a agir e de como ela diz que por mais que você esteja machucado de uma forma que ela não entenda ainda sim não torna menos horrível o fato de você ser cruel com outra pessoa e humilhá-la só porque isso ameniza o que você sente. Muitos acreditam que bullying não tão grave e vejo alguns pais dizendo que você tem que ser forte e blá blá blá, mas aqui vemos o quão importante é para você ter essa aceitação na escola, o quão duro pode ser sofrer tais terrorismos emocionais.

- Só tem mais uma pessoa em quem confio um pouco para dirigir meu carro. - Ele arqueou a sobrancelha e se virou olhando para mim.
Soltei todo o ar que estava em meu corpo.
-Eu?
E gostei mais ainda de como as coisas entre Jared e Tatum procedem, de como ela é forte em sua decisão e não aceita desculpas rápidas dele só por gostar de Jared, ela quer mais que isso, ela quer poder confiar novamente nele e para isso ele precisa provar que não é um babaca, para isso ela precisa entender o que aconteceu nos últimos anos, ela precisa ter segurança em si mesma novamente, ela precisa saber que não é a única expondo o coração nesse relacionamento, gostei de como Jared não muda do nada, de como as coisas não se dão do dia para a noite.

Com certeza esse livro é recomendado por mim, o romance é belo, sincero e realista, a proposta não é clichê e os personagens foram bem construídos, até mesmo os secundários são importantes para a trama, fundamentando e embasando tudo, tornando as coisas ainda melhores. Assim para quem curte romance e quer algo novo, fica a dica.




3 comentários:

  1. Não conhecia o livro mas sua resenha me deixou desesperada para ler AHUSHAHU Amo livros que tratam de temas pesados como bullying e ainda mais se a protagonista for uma personagem forte, já ganha pontos comigo. Adorei a sua resenha,
    Peço desculpas pelo meu sumiço dos blogs, tive alguns problemas mas já estou de volta :3 Tem resenha de "Como Eu Era Antes de Você" lá no Sétima se quiser conferir,
    Beijoos,
    Sétima Onda Literária

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Mandy.
      Que bom que fiz uma boa indicação, adoro quando isso acontece e obrigada, fico feliz que tenha gostado da resenha.
      Espero que adore a leitura viu?
      Bjokas e estou passando lá no seu blog!!

      Excluir
  2. Adorei a resenha! Tbm gostei de como a autora retratou o bullying de forma sincera.
    Fiz uma resenha desse livro tbm, se puder dar uma olhada.
    Abraços.
    http://vicsuaestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

O StarBooks é onde trocamos figurinhas sobre livros, lançamentos literários e suas adaptações, entre outras coisas; sempre com o objetivo de incentivar a leitura independente de gênero. (Mais?)

 
StarBooks © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo