6.1.16

[Evento] Salão literário: Um ato de Bondade com Polly Samson e David Gilmour


Olá galerinha, como vocês devem ter visto nas redes sociais, o David Gilmour veio para o Brasil em uma turnê solo de seu último CD, e que sua mulher, a Polly Samson, veio junto para lançar seu primeiro romance Um ato de bondade, e a Record, nos fez uma incrível surpresa e convidou os blogueiros parceiros para participarem do salão literário com ambos! Então venham conferir que há muitas coisas interessantes sobre isso.

O salão ocorreu num dia em que eu estaria ocupada, mas sinceramente achei um desperdício não ir e assim pedi a uma amiga, a Letícia, que fosse por mim, afinal ela e o pai gostam muito do Pink Floyd, ela estaria realizando um sonho e me fazendo um grande favor e olha, a menina fez um ótimo trabalho e disse que tudo estava impecável! - Com exceção de um segurança meio chato.

Ao chegar ao local em Pinheiros, o local não estava lotado, devia haver menos de cem pessoas com certeza, e havia cadeiras dispersas por ali para todos se sentarem confortavelmente. O jornalista escocês Damian Barr, entrou e ficou responsável pelas apresentações, perguntas e tradução.


Primeiro foi chamada a Polly e houve um bate papo de uma hora, na qual o público teve direito a duas perguntas, entre tudo que foi falado uma das coisas que se destacou foi o fato de que perguntaram para ela sobre seu processo de criação, afinal ela já é uma contista famosa, com colunas fixas e qual era a maior diferença entre escrever um conto e uma estória.

Polly respondeu que a principal coisa era o tamanho, disse que um conto é algo pequeno que em pouco tempo você concluí, não gera grandes pensamentos, mas uma estória é algo que tem que ser muito trabalhado, inclusive disse que Um ato de bondade é um livro que vem sendo fermentado há quase uma década em sua cabeça, pois ele surgiu de alguns de seus contos, a base da história estava ali, mas ela só sentiu realmente preparada para escrevê-la em 2010, quando relia alguns de seus antigos manuscritos e a estória tornou um grande corpo.

Questionaram também como era o processo de escrever uma música e se para ela isso era ainda mais diferente do que escrever contos e ela disse que sim! A música se torna real a partir do momento em que David a cantava, os sentimentos ali eram reais e sendo assim a situação, mesmo que não fosse, se tornava uma verdade, coisa bem diferente do que acontece quando ela escreve algo, pois aquilo nunca será verdade, nunca será real, mesmo que ela a tenha escrito baseado em fatos reais, como é o caso de Um ato de bondade, que foi escrito com base em coisas que aconteceram em sua família.


E então David entrou e se deu mais uma hora de uma bate papo animado e recheado de risadas - a Lê disse que os dois tem um senso de humor incrível! -, onde também foram feitas algumas perguntas à ele referentes ao seu novo CD, sobre seu processo criativo e sobre seu cotidiano com a Polly.

A primeira coisa a ser perguntada foi sobre uma música muito triste de seu último CD, que inclusive foi Polly quem escreveu, e ele respondeu que aquela música era para Richard, o último integrante do Pink Floyd a morrer e que mexeu muito com ele, pois ambos eram como melhores amigos. Ele ainda explicou que quando está compondo com Polly, ele se senta e vai criando a melodia da música e soltando algumas palavras que traduzem o que ele sente, e então Polly vai tentando entender o que ele quer passar ao mundo e colocando tudo isso em palavras que façam sentido, gente como não achar isso a coisa mais fofa do mundo?! Olha essa comunhão.

E para completar ainda, eles comentaram como é no dia-a-dia em que cada um tem que ter seus momentos de solidão e criação e eles disseram que se respeitam, quando ela está escrevendo ou quando ele está compondo nenhum mexe com o outro, deixam o espaço ali, dão a privacidade necessária e ao fim do dia ela lhe mostra o que escreveu e ele o que compôs e então ambos dizem o que acharam. - Mais um momento super fofoooo!

Sinceramente não houve muito sobre o livro, Polly leu dois capítulos para o público e disse que Julian e Julia são realmente almas gêmeas e que os leitores de seu livro que comprassem o CD ou quisessem ouvi-lo, seria uma boa pedida o ouvir enquanto o lê, pois as músicas podem estar ligadas a estória.

Até que ponto podemos confiar em quem amamos? Julian vê seu destino mudar por completo quando conhece Julia. Estudante universitário com um futuro promissor, ele abandona tudo por sua nova paixão, uma mulher nove anos mais velha presa a um relacionamento abusivo. A vida do casal em Londres é muito feliz, especialmente depois do nascimento da tão esperada filha, Mira. Ao descobrir que Firdaws, seu lar na infância, está à venda, Julian se dedica a reconstruí-lo para acolher a nova família. Mas a reforma da casa se torna uma obsessão que, aliada às investidas de uma ex-namorada, acaba por degradar seu casamento. É quando Mira fica terrivelmente doente que a vida conjugal se desintegra por completo, e Julia passa a não ser mais capaz de esconder do marido um segredo aterrador.


 Para finalizar, o evento foi super pontual e os dois eram puro carisma, houve piadas e risadas e muita boa vontade, David autografou os livros junto com a mulher e quando os seguranças não te mandavam - educadamente - sair logo, ele assinou álbuns e CDs do Pink Floyd. Ou seja, o evento foi um sucesso!

22 comentários:

  1. Amiga acho tão legal quando você vai nesses eventos
    Eu gostaria também de ir sabe? Pena eu morar tão longe.
    Mas mesmo assim eu achei bacana sua postagem e também fiquei
    super afim de ler o livro. Espero poder ter a chance de fazer a leitura.
    Adoro os livros da RECORD - VERUS e tudo mais. Eu adoro e queria tanto uma parceria com eles...TRISTEZA viu?! hahahaaha...Mas mesmo assim espero um dia poder conhecê-los pessoalmente. Os organizadores e tudo mais.

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/01/reflexao-parte-2.html

    ResponderExcluir
  2. Adoro quando postam sobre algum evento, embora conheça muito pouco sobre o David G. pareceu ser um evento muito bom.
    Adorei a maneira como você escreve!

    ResponderExcluir
  3. Ai que inveja da sua amiga! Rsrsrs, queria muito poder participar de um evento assim um dia. Aqui onde moro é bem interior então não tem nada desses eventos afff. Sua amiga deve ter ficado no céu com sua oferta de ir no evento.Eu adoraria( haha seguranças são chatos mesmos)
    Bjin
    http://reinoliterariobr.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Agatha,
    Sua amiga se deu bem hahahaha.
    Eu adoro esses eventos literários, mas esse foi bem exclusivo então já sabe, não fui :(
    Uma amiga foi e disse que estava um arraso.
    Eu curto uma ou duas músicas do Pink Floyd e não acharia justo tirar chance dos best fãs.
    Achei a relação do casal de uma fofura sem tamanho. A maturidade, o respeito. E quando ela disse que as palavras dela se tornam reais quando ele cantam ooooooooo que fofo hahahah
    Amei mesmo, uma pena que você não pode estar lá.

    Abraço e Bons Livros,
    Biblioteca do Coração❤

    ResponderExcluir
  5. Oi linda, caramba que evento legal!Adoro quando tem de post assim porque é novidade e sempre tem algo interessante, esse livro por ser um romance eu já me identifico bastante! Essa parceria é muito legal por proporcionar esses tipos de gentilezas. Beijinhos
    http://followyourdreamalways.blogspot.com.br/2016/01/resenha-extraordinario-rj-palacio.html

    ResponderExcluir
  6. Gente!! Que loucura!! Um evento literário com o Gilmour! Conheço gente que mataria para estar lá! hahahaha
    Não conhecia a esposa dele. O livro dela parece bem dramático né? Fiquei interessada, mas esperarei resenhas!

    Infinitos Livros

    ResponderExcluir
  7. Não sabia desse livro, fico meio com um pé atrás com livros de pessoas famosas que são lançados mais por marketing, o fato de a autora ser esposa de alguém famoso espero que o livro seja bom. Esperarei resenhas para saber a opinião das pessoas antes de pensar em ler. Bjs

    ResponderExcluir
  8. Ei, tudo bem?
    Queria ter ido no evento, mas ser de outro estado atrapalha tudo :( Adorei tudo que você contou, os dois parecem ser muito fofos e com certeza foi um bate papo divertidíssimo. Quero muito ler o livro e vou aproveitar a dica para escutar o CD junto.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura

    ResponderExcluir
  9. Olá!

    David Gilmour tem uma esposa escritora??? Morria sem saber!! Que evento maravilhoso! Não conhecia o livro, mas depois desse bate-papo da autora com o público, impossível não querer ler! Já quero a resenha!

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Agatha, o evento parece ter sido bem bacana já que rolou até umas piadas e risadas.
    Eu não conhecia o livro e ele nem faz muito meu estilo, mas bacana.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  11. Que inveja, geeente, feliz por você, se pudesse teria ido com toda certeza, adorei tudo que escreveu e fiquei feliz por ti, afinal momento como esse talvez nunca mais.
    palavrasdelucidez.com.br
    Lucas Castelo Viana

    ResponderExcluir
  12. Oi! Tudo bom?

    Ia morrer sem saber que esses dois eram casados. Fui convidado para o evento também, mas... Moro em Fortaleza. Aff! Por que tão longe, Senhor? Haha. Que mulher incrível. Eu realmente nunca escrevi uma história completa, mas já escrevi alguns contos e concordo com o ponto de vista dela. E genteeee, eles compõe juntos? Que maravilhoso. Vou já procurar essa música triste em homenagem ao integrante da banda que faleceu =/ Que bom que os dois são super legais e que o evento foi um máximo, uma pena você não poder ter ido.

    Beijos,
    www.falandoemlivros.com

    ResponderExcluir
  13. A Record faz eventos maravilhosos! Sou super fã da editora.
    Eu gostei muito de saber que sua amiga foi para você e aproveitou o evento! Lindas as fotos que ela tirou.
    Eu tenho trauma de seguranças, eles são sempre mal educados comigo HAHAHA.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  14. Olá Agatha!!! Que incrivel!!
    Adoro eventos assim, mas infelizmente ainda nao tive a oportunidade de ir em nenhum :/
    Que bom que se divertiu e aproveitou.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  15. Oi, Agatha!
    Achei sua postagem o máximo! Não só você divulgou o evento, a autora, o cantor, o livro e o CD como também destrinchou o evento todo, narrando as perguntas e respostas feitas! Ficou muito show!
    Concordo com Polly quando diz que conto e livro são diferentes em tamanho e em trabalho. Realemnte, terminar um conto é bem mais prático e montar um livro requer uma elaboração da trama, da linha do tempo, da personalidade dos personagens e do lugar também.
    Por tudo, deve ter sido um evento incrível! Parabéns!
    Até + ver! Nu.
    As 1001 Nuccias | Curtiu?

    ResponderExcluir
  16. Oiii
    Eventos sao ótimos!!
    Sempre que posso vou nos que tem aqui em Porto Alegre!
    Sempre aprendemos alguma coisa e conhecemos pessoas novas!
    O livro parece ser muito bom!
    Bjus

    ResponderExcluir
  17. Oieeee, tudo bom?? QUE INVEJA da sua amigaaaaa!!!! Genteee, eles são uns amores hein??? Que coisa linda, que companheirismo essa questão de ela entender o que ele está sentido e compor <3 e a sinopse do livro me atraiu bastante, ja quero ler! Bjossss


    http://porredelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Muito legal o David Gilmour ter vindo ne?!
    Adoro qdo autores prestigiam o país e os leitores daqui.
    Achei mto lindo o livro Um ato de bondade e estou bem curiosa para ler logo.
    Bem legal a Record ter convidado os blogs para irem ao evento.
    Beijo.

    Blog Livros e Sushi
    https://livrosesushi.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  19. Oi Agatha!
    Ain quenvejinha de você!
    Amo Pink Floyd e adoraria essa oportunidade de conhecer o David Gilmour, e o livro da PollySamson parece ser ótimo. Mas moro tão longe de tudo que é super difícil eu poder participar desse eventos. Mas já me realizo com posts assim como o seu, contando tudo o que rolou por lá.
    Bjs!
    Quem Lê, Sabe Porquê

    ResponderExcluir
  20. Oieee Agatha!
    Nossa, que legal da parte da editora promover esse evento para os parceiros. Eu adoraria poder ter participado, mas neh? Não sou parceira mimimi Que lindo ele falar do integrante do Pink Floyd, deve ter sido um momento muito emocionante!!
    Deve ter sido um evento puro amor!!
    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  21. Olá!
    Muito bacana o evento, queria eventos assim aqui no Rio.
    Gostei da sinopse do livro e a capa está linda. Não conhecia esse casal e o evento foi bem animado hein.. Que bom que a sua amiga aproveitou!

    Beijos!
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
  22. Nooooooooooooossa muito legal isso!
    A sinopse parece bem interessante, de fato não conhecia o casal, mas nada que o google não ajude ;)

    ResponderExcluir

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

O StarBooks é onde trocamos figurinhas sobre livros, lançamentos literários e suas adaptações, entre outras coisas; sempre com o objetivo de incentivar a leitura independente de gênero. (Mais?)

 
StarBooks © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo