31.3.16

[Meus Devaneios] 93 million miles from the sun...


Leia ouvindo: essa música


Estava onde quero sempre estar. Com ele. Onde meu coração fica em paz, onde não existe hora, dia, mês. Só nós dois.

Lembra quando você disse que pensou em mim quando ouviu aquela música que tocou no carro? Então, eu estou ouvindo agora.

Confessei pra você que morro de medo da chuva. Todos aqueles barulhos me assustam. É um medo idiota, eu sei. Sou corajosa em outros sentidos, mas uma tempestade sempre me deixa desesperada. 

Toda vez que ela vem você diz “Calma, já vai passar. Ta tudo bem meu amor”
E sempre foi assim. Sempre passou. Ela vem e vai e você está aqui.

Quando o sol volta, você me mostra que vale a pena sorrir, que o medo pode vir, mas não deve me parar. E quando passa, você sempre vai me puxar pra dançar. Mesmo que seja no meio da sala, com todos rindo da nossa cara e você me girando e girando, eu ficando tonta e com a barriga doendo. Só pelo fato de estar morrendo de rir a cada vez que você me gira de novo. Foram os segundos mais longos da minha vida. Você me deixa dançar mesmo pisando no seu pé. Mas por favor, não faça isso em público. Deixa só para os parentes verem essa tortura (risos).

A cada gargalhada solta você me faz te amar mais. Parece que seu prazer é me ver sorrir. Confesso que ele tem sido fácil toda vez que lembro da cara dos seus pais olhando pra mim caida no chão morrendo de rir. Seu amor e seu sorriso me contagiam.


Você é meu assunto favorito, tem razão.

Obrigada por segurar o peso do meu coração. Por quando a tempestade (da vida) vier você me acalmar. Obrigada por esse texto estar aqui, porque um dia você disse “Amor, você
escreve tão bem. Para de jogar fora, não sei porque tanta vergonha. Os seus textos são lindos” .

Hoje quis voltar no tempo e escrever no papel, só pra relembrar como era. Pensei que não fosse mais conseguir. Esse não vai pro lixo.

Obrigada por me aproximar mais de Deus, o nosso melhor amigo da vida!

Obrigado por ser de fato o que o amor é. Pelo menos pra mim, o amor é você.


Te amo.


Você pode me encontrar:
No instagrams_almeidabia
Por email: bia.s.m.a.26@gmail.com

5 comentários:

  1. Oie Bia.
    Posso dizer que estou encantada? Pois é , eu estou, você conseguiu com um punhado de frases e uma música sensacional me transportar e sentir seu amor, ou melhor, o amor de vocês, e posso dizer, é lindo, é aquele tipo de cena que quando presenciada por estranhos, fica o desejo e a admiração, fico feliz por você ter encontrado isso tão cedo e desejo que não acabe nunca, que isso cresça e renda bons frutos como você está colendo agora, porque amar quem te ama com a mesma moeda é um sonho e isso faz de você uma sonhadora.
    Lindo moça. Bjinhos para combinar com a delicadeza de suas palavras.

    ResponderExcluir
  2. Oi, Bia!
    Que lindo o seu texto ♡♡♡♡ Parabéns por conseguir passar tanta emoção ao escrever, parece que eu sinto um pouco do que vc sente, adoro!
    Aguardo por mais textos divos *-*
    Beijos

    ResponderExcluir

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

O StarBooks é onde trocamos figurinhas sobre livros, lançamentos literários e suas adaptações, entre outras coisas; sempre com o objetivo de incentivar a leitura independente de gênero. (Mais?)

 
StarBooks © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo