25.3.16

[Resenha] Cartas de Amor aos Mortos :: Ava Dellaira


Cartas de Amor aos Mortos
Autora: Ava Dellaira
Editora: Seguinte
Páginas: 344
Skoob  | Goodreads | Compare e Compre
Tudo começa com uma tarefa para a escola: escrever uma carta para alguém que já morreu. Logo o caderno de Laurel está repleto de mensagens para Kurt Cobain, Janis Joplin, Amy Winehouse, Heath Ledger, Judy Garland, Elizabeth Bishop… apesar de ela jamais entregá-las à professora. Nessas cartas, ela analisa a história de cada uma dessas personalidades e tenta desvendar os mistérios que envolvem suas mortes. Ao mesmo tempo, conta sobre sua própria vida, como as amizades no novo colégio e seu primeiro amor: um garoto misterioso chamado Sky. Mas Laurel não pode escapar de seu passado. Só quando ela escrever a verdade sobre o que se passou com ela e com a irmã é que poderá aceitar o que aconteceu e perdoar May e a si mesma. E só quando enxergar a irmã como realmente era — encantadora e incrível, mas imperfeita como qualquer um — é que poderá seguir em frente e descobrir seu próprio caminho.
O livro conta a história de Laurel, que depois do falecimento de sua irmã May, precisa amadurecer, mesmo carregando em si um sentimento de culpa. Tudo começa com uma tarefa de inglês, que era escrever uma carta para alguém que já morreu, logo o caderno de Laurel está repleto de cartas para Kurt Cobain e outras artistas que sua irmã adorava quando estava viva

Logo após a morte de sua irmã, Laurel mudou de escola para não conviver com as pessoas que sabiam de sua irmã, e todos ficarem com pena dela. Sua mãe muda de país e perde a intimidade com a filha, que precisava de muita atenção
Laurel adquiriu as cartas como sua maneira de amadurecer, onde conta seu cotidiano e sobre seus sentimentos, tem como amigas Natalie e Hannah, mas não conta para elas sobre sua irmã. Laurel se apaixona por Sky, sem saber o que o garoto sabe sobre ela…


O que ocorre é que Laurel carrega uma culpa, acha que foi culpada pela morte de sua irmã, muitas vezes no livro ela demonstra isso, como se a culpa fosse dela, como se tudo pudesse estar diferente se ela não contasse AQUILO, que só no fim do livro ficaremos sabendo. O livro é repleto de surpresas e mistérios: Porque a Laurel se sente culpada pela morte de sua irmã? Porque sua mãe a abandonou ? O que Sky sabia ? Laurel tenta de todas maneiras esquecer sua irmã, pensar em seus defeitos, não deixar ninguém saber que ela tinha uma irmã que morreu, mas só acaba ficando mais triste em pensar em May.

O mais interessante é que no meio do livro Laurel passa a perceber que sua irmã não era perfeita, era alguém normal, com defeitos e qualidades, que após ouvir o que não gostaria de Laurel, desiste de viver.

É um livro emocionante, com uma história linda, que nos faz pensar como é difícil perder alguém próximo e não ter ajuda, como é mais difícil ainda se sentir culpado pela morte de alguém, e pior ainda, amadurecer. É um livro triste, com o final mais lindo de todos, que até me fez chorar, pelo sentimento expressado na sua última carta e pelo final de um livro perfeito, de escrita suave, que nos deixa super envolvidos com a trama.

Quotes: 
O universo é maior do que qualquer coisa que cabe na sua cabeça.
Na vida, podemos ser mais que passageiros.
Mas ninguém pode salvar ninguém, não de verdade. Não de si mesmo.

4 comentários:

  1. Amei o post! Eu tenho uma vontade imensa de ler esse livro, mas ainda não tive oportunidade. Mas um dia lerei, com certeza. É um livro que está na minha lista faz um tempinho já e que não vejo a hora de ter em mãos, sua resenha me deixou um pouco curioso kk, gostei.

    Dê uma passadinha no meu blog! http://raimcam.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Pelo que eu me conheço acho que choraria em grande parte do livro! Imagino como deve ser difícil perder alguém próximo e tentar superar isso de forma saudável...Me parece um bom livro!!!

    Bjs ;D
    ❥Blog: www.amigadelicada.com

    ResponderExcluir
  3. Oie, Maria!
    Eu ainda não li esse livro, mas sou bem curiosa por causa da narrativa que me parece ser epistolar. O tema também parece ser bem profundo e emocionante. Assim que possível eu pretendo comprá-lo.
    Bjus
    Anna - Letras & Versos

    ResponderExcluir
  4. muito interessante, comecei a ler e não terminei...mas vou continuar a leitura dele, essa sua resenha me convenceu.... Bjo

    ResponderExcluir

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

O StarBooks é onde trocamos figurinhas sobre livros, lançamentos literários e suas adaptações, entre outras coisas; sempre com o objetivo de incentivar a leitura independente de gênero. (Mais?)

 
StarBooks © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo