18.4.16

[Resenha] Nunca Jamais :: Colleen Hoover & Tarryn Fisher

Nunca Jamais - Never Never #1
Autoras: Colleen Hoover & Tarryn Fisher
Editora: Galera Record
Páginas: 192
Skoob  | Goodreads | Compare e Compre
Charlie Wynwood e Silas Nash são melhores amigos desde pequenos. Mas, agora, são completos estranhos. O primeiro beijo, a primeira briga, o momento em que se apaixonaram... Toda recordação desapareceu. E nenhum dos dois tem ideia do que aconteceu e em quem podem confiar. Charlie e Silas precisam trabalhar juntos para descobrir a verdade sobre o que aconteceu com eles e o porquê. Mas, quanto mais eles aprendem sobre quem eram, mais questionam o motivo pelo qual se juntaram no passado.. 
Nunca Jamais é o primeiro livro (ou primeira parte) da trilogia Never Never co-escrita pela Colleen Hoover e Tarryn Fisher. O livro vai contar a estória de dois jovens, o Silas e a Charlie, que no meio de uma aula acabam se vendo sem memória, isso mesmo, do nada eles tem a revelação que não sabem quem são e onde estão e junto com esses personagens começando a ter a percepção do que está acontecendo vamos nos situando sobre a situação estranha que lhes é infringida.

Ambos não sabem como reagir e de alguma forma percebem que não podem contar isso para ninguém pois seria a coisa mais doida do mundo e ninguém iria acreditar que isso lhes aconteceu do nada. Tendo que tentar interagir com os outros no colégio é no intervalo que eles deveriam interagir como um casal, afinal é o que todos dizem que eles são e que eles andam com um comportamento estranho, é quando um encontra no outro o reflexo da sua própria reação à essa situação mais do que estranha e percebem que não estão sozinhos nesse barco.
''(...) e examino as lombadas: são histórias que conheço, mas que não lembro de ter lido. Que estranho ser feita de carne, se equilibrar em ossos e ter uma alma que nunca conheci.
Pego um livro de cada vez e leio a primeira página. Quero saber quem ela é. Quem eu sou.(...)''
É então que iniciam uma investigação para saber o que está acontecendo ao mesmo tempo em que tentam encontrar uma forma de reverter isso e lidar com os diversos dramas que ocorrem em suas respectivas vidas e que não são poucos, mas não é fácil quando você não sabe nem o nome dos seus pais, por que suas famílias se odeiam e não consegue nem lembrar com quem brigou na noite passada e ainda descobre que o seu eu de uma hora atrás não se comportava exatamente da forma que você agora considera correta, muitas das respostas as suas questões podem não lhes agradar.


Eu sou fã da Colleen Hoover e já havia ouvido falar bastante da Tarryn então eu fiquei bem ansiosa para conhecer esse livro em parceria das duas e adorei a experiência, elas conseguem mesclar muito bem suas escritas unindo gêneros os quais cada uma tem mais experiência, CoHo com seus romances divos e Tarryn com sua pegada mais misteriosa/thriller. A Colleen respondeu algumas perguntas no seu facebook e uma delas era a respeito de quem escreveu o que em Nunca Jamais e autora disse que a Tarryn ficou responsável pelo ponto de vista feminino, da Charlie, e ela, Colleen, pelo masculino, Silas.

A interação dos personagens é muito bem descrita e marcante e muito verossímil a forma como elas descrevem os sentimentos dos personagens, consegui sentir o pânico da Charlie ao constatar que estava sem memória e de certa forma sozinha e o mesmo é válido para o Silas. A narrativa tem um fluxo frenético, os personagens sempre estão atrás de pistas para conseguir entender o que está acontecendo com eles e tudo vai sendo desvendado junto com o leitor, da mesma forma que nos surpreendemos com alguma revelação o mesmo acontece com os personagens pois tudo também é novo para eles, o que só melhora a experiência na hora da leitura e claro, é impossível não formular algumas teorias sobre o motivo da perda de memória só para ver grande parte delas ruírem com o final que pode ser considerado cliffhanger.

O único ponto ‘‘negativo’’ é que pra mim o livro é muito curto e que a sequência ainda não foi lançada (risos) como a narrativa é bem fluida a leitura foi super rápida e agora estou sedenta para saber o desfecho dessa estória única e a forma como o livro terminou com certeza corroborou para que isso acontecesse e estou curiosa também para descobrir em qual gênero esse livro se encaixa, se é só um YA ou se há fantasia embutido. Então fica aqui o meu clamor: Galera Record lance logo as sequências, por favor *-* e após essa leitura espero poder conhecer o trabalho solo da Tarryn e claro, também torço para outra parceria entre as autoras pois a escrita das duas ficou muito bem mesclada e rendeu uma ótima estória a qual eu mais do que indico!

E você, já leu Nunca Jamais? Tem vontade de ler? Já conhece algum livro das autoras?

29 comentários:

  1. Andréia, olá! :)
    Também sou fã da CoHo, li tudo dela (menos os que ainda não foram lançados) e comecei esse e dei uma parada por que ainda tenho outros para terminar e pelo que vi não pode ser um livro para usar se não ninguém entende nada. Achei o mistério maravilhosos e como você disse: muito fino e a outra parte nem foi publicada ainda e eu já to roendo as unhas.
    Muito fina para muita coisa que ainda está por vir. Amei o seu blog e a resenha. Bjos.

    www.primeiras-impressoes.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Pos é o único problema é o tamanho, mas acho que mesmo se esse livro fosse grande para mim não seria grande o suficiente. Tratando-se de CoHo nunca é.
      Espero que goste da série!
      Muito obrigada <3
      Beijos

      Excluir
  2. Oi Andy! :)
    Ai, fiquei muito feliz com a sua resenha, principalmente porque o livro que peguei pra ler agora é exatamente esse e fiquei super animada! Acho que vou gostar bastante, mas volto aqui assim que terminar pra dizer o que achei! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bruna!
      Espero MUITO que você goste!!! E depois me diga mesmoo que achou. Adoro as suas indicações e fiquei muito feliz que uma resenha minha te animou mais para ler um livro, em especial esse!
      Beijos

      Excluir
  3. Esse livro está na minha estante de desejados há alguns meses. Difícil ler alguma resenha negativa dele. Isso me assusta é me anima ao mesmo tempo. De qualquer forma, já estou convencida a ler hehe
    Adorei sua resenha.

    >> Vida Complicada <<

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Camila!
      Espero que como a maioria você curta o livro, pois ele realmente é bom e me entreteve bastante!
      Beijos

      Excluir
  4. Oiii Andréia, tudo bem?
    Por mais que eu tenha gostado muito dasua resenha e da foto que tirou, achei um encanto, é uma obra que infelizmente não leria, não consegui me agradar muito da premissa então pularei a dica.
    Beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Morgana!
      Quando não vamos muito com ''a cara'' do livro é difícil mudarmos de opinião, mas quem sabe no futuro, não é mesmo?
      Boas leituras! :*

      Excluir
  5. Oi Andréia, sua linda, tudo bem?
    Tenho visto o mesmo comentário nas resenhas, que o livro acabou ficando muito curto, salvo engano, era um livro único e a editora no Brasil optou por dividí-lo em três. Não sabia dessa curiosidade a respeito de quem escreveu o quê, muito legal a sua pesquisa. Eu não vejo a hora de ler esse livro. Gostei muito da sua resenha.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cila!
      Sobre ser um livro único, só se depois dos lançamentos das 3 partes alguma ed. criou um livro único pois ao menos inicialmente eles foram lançados separadamente, tanto que se vc acessar o site da Amazon e procurar pelo e-book em sua língua original de lançamento, inglês, verá que há 3 disponíveis um referente a parte 1, outro para a parte 2 e um terceiro para a parte 3 então sei que não foi uma decisão da Galera de dividir o livro, já que ele foi lançado assim, tanto que pelo que eu sei as autoras inicialmente só lançariam duas partes e após uma certa insistência dos leitores veio a terceira parte ;)
      Fico feliz que tenha gostado da minha resenha :) e espero que curta mais ainda o livro!
      Beijos e boa leitura!

      Excluir
  6. Oie...
    Esse livro está por todo quanto é canto rsrs... Ainda não li nada da autora(infelizmente!) mas, estou vendo que ainda vou ter que achar uma brecha e encontrar algo dela pra ler.
    Acho bem interessante essa interação dos personagens ser bem descrita e achei muitíssimo legal voce ter conseguido sentir os sentimentos dos personagens, isso, só mostra que a autora é profissional :)
    Ahhh... E essa espera por continuação é terrível, não é?
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Diane!
      Pra mim também foi assim, rs, ouvia falar tanto da Colleen que cheguei a conclusão que teria que ler algo dessa mulher para saber pq todos só a elogiavam e após ler Métrica, minha primeira leitura dela, descobri e ela se tornou uma das minhas autoras favoritas <3
      Então não me canso de indicá-la e espero muito que você goste de algum dos livros dela!
      E sim, esperar por uma continuação é terrível. Mas como eu espero pelo lançamento de várias continuações eu acabo esquecendo dessa parte ''terrível'' meio que rapidamente dependendo da confiança que tenho na editora e na certeza que eu tenho que as sequências realmente serão lançadas ;)

      Beijos e boas leituras!

      Excluir
  7. Olá Andréia, tudo bem?

    Eu nunca li absolutamente nada da Colleen Hoover, mas da Tarryn Fisher tenho o livro A Oportunista, que pretendo ler em muito breve <3. Dizem muito bem de ambos os livros e, como ela virá para a bienal de SP, é óbvio que correrei para pegar meu autógrafo!!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie!
      A Oportunista está na minha wishlist quero muito ler algum trabalho solo da Tarryn, espero que vc curta a leitura!

      Beijos

      Excluir
  8. Olá. Menina, eu li este livro no ultimo final de semana e até agora não tô sabendo lidar. Eu fiquei tão nervosa que fui logo lendo as sequencias em inglês mesmo, pois o final deste volume me deixou desesperada.
    Eu não sabia no momento da leitura qual das autoras escreveu qual ponto de vista mas para ser sincera eu não notei muita diferença entre elas, acho que elas estavam em sintonia e deixaram a obra bem homogênea. Entrou para os favoritos ♥
    Beijos
    Sil - Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie!
      Também achei que o resultado ficou bem homogêneo por cada uma ter escrito partes bem específicas, espero que elas se unam para outras obras futuramente.
      Beijos

      Excluir
  9. Oi!
    Ainda não li nenhum livro da Colleen Hoover, mas os outros livros dela não tinham me chamado atenção, já esse sim! Atualmente estou vendo muitos comentários positivos sobre ele e o único negativo que ouço, como você disse, é a continuação que ainda não foi lançada! hahaha Estou pensando seriamente em esperar sair todos para começar!
    Não consigo me imaginar perdendo a memória, sem poder contar para todo mundo, deve ser horrível, angustiante... Mal posso esperar para conhecer essa história.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Que legal que esse chamou a sua atenção ^^
      E acho legal esperar lançarem todos, pq aí vc não fica na ansiedade esperando o lançamento dos próximos rs.
      E a situação dos personagens é bem tensa, para dizer o mínimo, eu ficaria em pânico durante um bom tempo.
      Abraços

      Excluir
  10. Eu estou louca para ler esse livro, a premissa é bem legal e instigante, fora que adoro um com YA, me corrija se eu estiver errada, mas acredito que seja YA mesmo, rs. Bem, eu nunca li nada da Collen, mas ela é uma autora bem elogiada por seus livros e Nunca Jamais parece ser uma aposta grande da Record, tenho boas expectativas, e espero mesmo gostar da trama tanto quanto você! Enfim, uma pena o livro ser curto, menos de 200 páginas é tenso, principalmente quando o livro é bom, dá vontade ler muito mais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie
      É um YA mesmo. E espero que você goste tanto quanto eu gostei <3
      Beijos

      Excluir
  11. Oi Andréia, tudo jóia?
    Eu também gostei bastante desse livro, mas quando o li, não sabia que seria uma série…hehe’ fiquei bolada quando o livro acabou NAQUELE MOMENTO e eu percebi que teria que esperar a bendita continuação sair para saber o que aconteceu *-* Já conhecia a escrita da Colleen, mas a da Tarryn ainda não. Gostei bastante, mas a Colleen ainda é minha favorita ♥
    Beijos, Juliane.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Colleen é favorita da vida né?! <3 mas quero conferir outros livros solos da Tarryn! O bom é que parece que finalmente alguma editora se dignou a publica-los *-*
      Agora é só esperar ansiosamente pela parte 2 de Nunca Jamais, rs.
      Beijos

      Excluir
  12. Nossa, nem percebi que elas haviam dividido os pontos de vista... rs... quando sair o próximo vou reparar nisso. Já li todos os livros da Colleen lançados por aqui, e ainda bem que já haviam me avisado que eu me depararia com um livro sem final, ou teria ficado muito brava! hehe... Tomara que lancem logo os próximos mesmo, porque gostei bastante tanto do enredo quanto dos protagonistas e preciso saber como essa história termina!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ju!
      O bom é que vc já foi preparada para um final emocionante kkk e também espero que não demore muito para a sequência vir *-*

      Beijos

      Excluir
  13. Oie, tudo bem?
    Eu tô doidinha por essa livro desde quando fiquei sabendo do seu lançamento ♥ Eu tava me perguntando como tinha sido a divisão do conteúdo, já que foram duas autoras... Agora que você comentou que a CoHo ficou responsável pelo personagem masculino, eu fiquei mais curiosa ainda - pq eu acho que ela lida como ninguém seus personagens desse sexo.
    Mas,vem cá: perder a memória do nada é, de longe, assustador :O Já quero saber como os dois vão lidar com isso! Preciso desse livro pra ontem...

    Beijos
    www.procurei-em-sonhos.com

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Umas amigas minhas leram esse livro recentemente e também gostaram muito. Eu to super curiosa pra ssaber porque justo os dois perderam a memória do nada! Deve ser muito ruim não conseguir lembrar e não falar pra ninguém. Talvez essa história pudesse ter sido colocada num livro só né. Sei que o clima tenso do final é bom pra deixar o leitor ansioso mas que maldade rs
    beijo

    ResponderExcluir
  15. Oi Andréia!

    Menina, eu quase enlouqueci lendo esse livro. Também gostei demais da forma como os personagens foram expostos, não consigo me imaginar de jeito nenhum no lugar deles. Morta de curiosidade para saber porque eles perdem a memória assim e por que acontece do jeito que acontece. Também achei horrível o livro ser tão curtinho, preferia que tivessem feito um só, mas não se pode agradar a todos. HUAEHAUEHAE

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com/

    ResponderExcluir
  16. Oi Andreia!
    Ai menina, que nervoso! Comassim perder a memória do nada? Acho que eu ia entrar em transe kkkk fiquei aqui morrendo de curiosidade pra saber o motivo disso e saber como os dois personagens vão desenvolver esse relacionamento.
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Oi, Andréia!
    Da Colleen eu li apenas Métrica, mesmo assim por empréstimo de uma colega, e apesar de ter curtido, nem sei ao menos se vou dar continuidade e concluir a leitura da trilogia, mas Nunca Jamais definitivamente me chamou bem mais a atenção, justamente por aparentar ser esse romance com thriller e mistério que, se bem desenvolvido - o que parece ser o caso, rs -, pode ser uma leitura incrível. Chato mesmo o fato de ter sido dividido em partes e a continuação ainda estar para ser lançada, talvez eu aguarde um pouco então para lê-lo quando já estiver concluído, quem sabe, rs.
    Beijos!

    ♥ Sâmmy ♥
    ♥ SammySacional ♥

    ResponderExcluir

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

O StarBooks é onde trocamos figurinhas sobre livros, lançamentos literários e suas adaptações, entre outras coisas; sempre com o objetivo de incentivar a leitura independente de gênero. (Mais?)

 
StarBooks © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo