controles do slide

1.11.17

[Resenha] O Duelo dos Imortais :: Colleen Houck


O Duelo dos Imortais - Deuses do Egito #0.5
Autora: Colleen Houck
Editora: Arqueiro
Páginas: 112
Skoob Goodreads | Amazon
Quem são os deuses que regem os caminhos e descaminhos de Amon e Lily, os corajosos heróis da série Deuses do Egito? Por que esses deuses tramam conquistas e vinganças, envolvendo a humanidade em suas maquinações? E por que deixam nos ombros de alguns jovens mortais a responsabilidade pela salvação do mundo? Antes que Lily e Amon se encontrassem, antes mesmo que o caos dominasse o cosmos e os deuses precisassem de três irmãos corajosos para combater o mal, muita coisa já estava em jogo. Em O duelo dos imortais, vamos conhecer a história dos quatro irmãos que assistiam, com seus poderes especiais, o grande Amon-Rá no governo da Terra: Osíris, o generoso deus da agricultura, que ajuda os mortais a crescer e prosperar em seu ambiente natural. Ísis, a linda deusa da criação, que promove a saúde e o bem-estar. Néftis, a doce vidente, que mantém o equilíbrio entre os seres vivos e o universo. E por último Seth, o mais jovem, que cresceu desprovido de poderes e desprezado por todos. Quando, finalmente, os poderes de Seth se manifestam, que efeito sobre a humanidade terá a perigosa mistura de uma infância marcada pela rejeição, uma intensa paixão não correspondida e o incrível poder de desfazer coisas, pessoas... e até deuses? Romance, traição e vingança são os fios que tecem esta trama surpreendente, cujos personagens imortais despertam em nós os mais profundos sentimentos.
O Duelo dos Imortais é um prequel de O Despertar do Príncipe, que é o primeiro livro da série Deuses do Egito. Já inicio dizendo que eu não estou muito familiarizada com os dois livros que foram lançados anteriormente, já estou com a leitura do O Despertar do Príncipe engatada, todavia não irei fazer relatos sobre essa obra por ainda não ter finalizado a leitura.

O Duelo dos Imortais se passa séculos antes do primeiro livro da série publicado e conta a história dos deuses que possuem grande influência na vida dos personagens/protagonistas da história contemporânea. Ter uma percepção do que aconteceu com esses deuses no passado, sendo eles protagonistas da história com certeza trará uma melhor perspectiva da série e de tudo o que irá acontecer na vida de Amon e Lily (protagonistas dos demais livros da série).

No Antigo Egito havia quatro deuses irmãos, e como deuses eles deveriam apresentar alguma habilidade. Osíris, o mais velho, deus da agricultura, auxiliava os mortais no pasto e na fertilidade da terra; Ísis, a bela deusa da criação, auxiliava os mortais com sua saúde e por eles nutre grande afeto; Néftis é a sábia deusa vidente que ajuda a manter o mundo equilibrado.

Todos os deuses apresentam poderes e habilidades que lhes são caros, exceto o mais novo, Seth, que desenvolveu seu poder muito tardiamente e sentia-se desprezado por todos que por acreditarem que ele não tinha nenhum dom acabaram, mesmo que não intencionalmente, deixando-o de lado e alimentando em Seth sentimentos ruins como inveja, ganância e crueldade. Tudo o que ele passa a querer é que sofram como ele sofreu e que ele merece o melhor e que se não fosse lhe dado, então seria tomado. 

A habilidade de Seth pode ter demorado muito para se apresentar, todavia em nada deixa a desejar no quesito poder e ele pode causar muita destruição. Seu primeiro objetivo será tentar destruir Osíris e ter então a atenção da deusa mais poderosa voltada para ele, deusa essa por quem Seth nutre uma forte obsessão e ele não medirá esforços para conquistar seus objetivos e passará por cima de quem se opuser.
Nesse livro conhecemos mais sobre o caráter de cada deus bem como suas índoles. Vemos o florescer de um romance épico e como a inveja e maldade tenta separá-los. Com relação ao vilão, é interessante ver como ele forjou o mau dentro de si, acredito que essas informações sejam interessantes quando a leitura dos demais livros da série forem realizadas já que nos permite ficar por dentro do que de fato ocorreu séculos atrás e o que motivou certos atos. 

Mesmo tendo poucas páginas o livro é envolvente graças a escrita da autora, Colleen Houck, da qual sou fã, quando finalizei a leitura me vi querendo saber qual seria o desenrolar da história após o desfecho. Suponho que terei que ler os próximos livros para descobrir, assim espero. Para aqueles que querem iniciar a leitura, é uma boa pedida começar por essa obra ou então, ler após o primeiro ou segundo livro da série para você conhecer os personagens que provavelmente são citados e que tem um papel nas demais obras.

comentários pelo facebook:

5 comentários

  1. Olá, tudo bem ?
    Eu comprei o primeiro livro mas ainda não li, confesso que não sabia da existência deste livro, de modo que já marquei em minha lista de desejados. Está temática me fascina e como vc muita gente diz que a escrita da autora é envolvente.
    Ótima resenha.
    Obrigada por me apresentar este livro.
    Beijos
    www.estilo-gisele.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Claro que já ouvi falar dessa série, mas ainda não me interessou muito.
    Curto livros de fantasia, mas os mais teens realmente sempre deixam a desejar pra mim, quem sabe mais pra frente.

    Debyh
    http://euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá
    ja li outra série da autora e acabei parando no meio pois fantasia no geral é um gênero que não consegue me prender muito mas ainda assim boa dica e quem sabe eu não arrisque novamente algo da autora

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/2017/11/5-graphic-novels-que-podem-ser.html

    ResponderExcluir
  4. Oie
    muito legal sua resenha mas não sei se arriscaria pois ja tentei ler outra série da autora e acabei abandonando do meio mas por não me identificar com o gênero então vai ser dificl eu ler algo novamente dela

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ainda não li o primeiro, apesar de o forte desejo, a perspectiva da série muito me interessa, mesmo sendo juvenil, li muitas resenhas do primeiro e sempre elogiosas e acho que o segundo, como você ressalta, mesmo tendo poucas páginas, se o autor for de mão cheia, tem tudo para o livro ser ótimo.

    ResponderExcluir

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

últimas resenhas