controles do slide

4.8.19

[Resenha] Mais Lindo que a Lua :: Julia Quinn

Mais Lindo que a Lua - Irmãs Lyndon #2
Autora: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Páginas: 272
Skoob  | Goodreads | Buscapé | Amazon | Americanas
Mais Lindo Que a Lua, primeiro livro primeiro livro da série Irmãs Lyndon, é uma história irresistível sobre sobre reencontro e desafios, romantismo e perseverança.
Foi amor à primeira vista. Mas Victoria Lyndon era a filha do vigário, e Robert Kemble, o elegante conde de Macclesfield. Foi o que bastou para os pais dos dois serem contra a união. Assim, quando o plano de fuga dos jovens deu errado, todos acreditaram que foi melhor assim.Sete anos depois, quando Robert encontra Victoria por acaso, não consegue acreditar no que acontece: a garota que um dia destruiu seus sonhos ainda o deixa sem fôlego. E Victoria também logo vê que continua impossível resistir aos encantos dele. Mas como ela poderia dar uma segunda chance ao homem que lhe prometeu casamento e depois despedaçou suas esperanças?Então, quando Robert lhe oferece um emprego um tanto incomum – ser sua amante –, Victoria não aceita, incapaz de sacrificar a dignidade, mesmo por ele. Mas Robert promete que Victoria será dele, não importa o que tenha que fazer. Depois de tantas mágoas, será que esses dois corações maltratados algum dia serão capazes de perdoar e permitir que o amor cure suas feridas?


Mais Lindo que a Lua é o primeiro livro da série Irmãs Lyndon e narra a história de amor repleta de encontros e desencontros do casal composto por Victoria Lyndon e Robert Kemble.

Quando Robert avistou a jovem Victoria a beira do lado ele soube que ela era o amor de sua vida, simples assim, e com essa certeza não perdeu a oportunidade de se apresentar a jovem e tentar conquistá-la, deixando claro desde o início o seu interesse por ela e que ter um futuro sem ela era algo inimaginável.

Eles começam a namorar as escondidas e decidem se casar apesar de suas respectivas famílias não fazerem questão da união deles. Os dois enamorados deixam claro que se amam e que farão de tudo para ficarem juntos, mesmo que a união deles vá contra os estigmas sociais, pois Robert é um nobre que tem todo o futuro todo pela frente para se casar e ter filhos com alguém da sua classe social, já Victoria traz desgosto ao seu pai, o vigário, que tem a certeza de que um nobre jamais teria interesse por alguém da sua classe social e que sua filha ingênua pelo primeiro amor se deixará ser usada e descartada por alguém que não desafiará o pai e lhe só lhe trará desgraça, deixando para trás uma jovem destruída.

É então que sabendo como os seus familiares pensam que os jovens apaixonados resolvem fugir para serem felizes. Todavia, quando a noite chega e eles precisam se encontrar, mal entendidos e desencontros terríveis acontecem. Os jovens se desiludem e por armações são levados a crer que não eram verdadeiramente correspondidos pelo outro.

Anos se passam e as mágoas de um amor não consumado ainda estão presentes. Então quando num jantar que Victoria não esperava participar acontece na casa em que é preceptora e sua presença é inusitadamente requisitada, ela não pode ficar outra coisa senão surpresa por reencontrar aquele que só queria usá-la, Robert. O mesmo acontece com Robert que não consegue acreditar que diante de si está a mulher mais ardilosa que já conhecera, aquela que não quis fugir com ele e que vira pela última vez há sete anos atrás. Tillie só pensa em se afastar, já Robert só quer vingança. Um reencontro repleto de animosidade e certa vontade de tirar satisfações pelo que aconteceu, ao mesmo tempo em que querem demonstrar que superaram o término da relação.

Ambos tem muitas mágoas e quando a verdade sobre o que aconteceu naquela fatídica noite que resultou no desencontro deles é enfim revelada eles descobrirão juntos se o amor que sentem ainda existe e se ele é capaz de superar e perdoar tudo o que aconteceu a ponto de conseguirem criar um futuro juntos.

Mais Lindo que a Lua é um livro de leitura rápida e fluída, mesmo tendo alguns clichês, e não tendo nenhum enredo inusitado ou inovador, a obra me agradou. O romance entre os dois é tão puro no início da obra e formulado para ser perfeito e de fato até seria, se dependesse só dos protagonistas. Sei que o instalove, poderá desagradar alguns leitores, mais eu me deixei envolver e comprei a ideia de que aquilo era algo possível e real.

Fiquei presa à leitura e cativada com o romance simples e bonito que a Julia Quinn criou. Há tempos não lia sobre um casal que foi tão desiludido quanto esses dois! Julia Quinn me deixou encantada com essa obra e posso afirmar que por esse ser um dos primeiros livros escritos pela Julia, vemos claramente a evolução dela como autora, tanto na sua escrita quanto no que diz respeito a desenvolver um enredo. Ainda, após a leitura desse primeiro livro já estou ansiosa para ler a sequência que terá como protagonista a irmã de Torie, Ellie, que aparece nesse primeiro livro e já demonstrou ser uma personagem carismática.

comentários pelo facebook:

3 comentários

  1. Eu já li Mais Lindo que a Lua há algum tempo atrás e sim, o instalove me incomodou um pouco. Mas também achei que a história se arrastou. Porém, Julia Quinn sempre envolve. Lembro que gostei mais do próximo.
    Beijos
    Mari

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Que saudade de ler algo da Julia Quinn, parei no terceiro livro da série " Os Bridgertons" e quero muito voltar a ler romances de época, esse livro está na minha lista de desejados, adoro esses casais que passam por poucas e boas para ficarem juntos. Gostei de saber mais e saber que é uma história que prende do inicio ao fim! Já quero ler!

    beijos!

    ResponderExcluir

A sua opinião é muto importante para nós. Obrigada!
Os comentários do blog passam por moderação antes de serem publicados.

últimas resenhas